Cantor de forró do AM é denunciado por vídeo de sexo com porco

A denúncia foi feita pela deputada Joana Darc (PR) após receber imagens do homem fazendo sexo com o animal.
05/03/2019 16h19 - Atualizado em 6/03/2019 14h34
Foto: Reprodução

Redação AM POST

A deputada Joana Darc (PR), denunciou pelo crime de maus-tratos o vocalista da banda de Forró na Pegada, Gabriel Tavares, conhecido como Biell Loop, após receber imagens do homem mantendo relações sexuais com um porco. O cantor foi notificado na madrugada desta terça-feira (5) por policiais e pela parlamentar durante um show.

Joana Darc é presidente da Comissão de Meio Ambiente e Proteção dos Animais da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), e registrou a denúncia no Batalhão Ambiental da Polícia Militar do Amazonas.

“Gabriel Tavares da banda Forró na Pegada foi localizado pelo batalhão ambiental da Polícia Militar do Amazonas e nossa equipe após ter postado em suas redes sociais um vídeo estuprando um animal suíno (porco), divulgando show da sua banda e por isso o nome está sendo citado nesse post, pois utilizou-se dos maus-tratos para promover a banda de forró e shows”, disse a deputada em publicação nas suas redes sociais.

O cantor terá que comparecer nesta quinta-feira (7) na Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (DEMA), para prestar esclarecimentos quanto ao caso que viralizou nas redes sociais.

Em vídeo publicado em sua página no Facebook a parlamentar mostra o momento em que o homem foi notificado e afirma que vai fazer “o possível e o impossível” para que ele seja responsabilizado pelo crime. Ao se retirar o cantor apertou a mão dos policias e tentou fazer o mesmo com Joana Darc mas ela se recusou retribuir o cumprimento.

“Eu não aperto mão de criminoso!”, disse a deputada. “Você tem que me respeitar porque eu sou um trabalhador, não sou criminoso”, retrucou Biell Loop. “Eu também sou trabalhadora. Você é criminoso. Você quer ser preso por desacato?”, ameaçou Joana Darc.

Veja vídeo:


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso