Moradores amarram prefeito por ele não cumprir o que prometeu na campanha

Os moradores solicitaram benefícios sociais e a pavimentação de dois quilômetros das estradas da cidade, mas González explicou que tal investimento causaria um desequilíbrio no orçamento do município.
05/06/2019 09h45 - Atualizado em 5/06/2019 09h45

O presidente municipal de Siltepec (Cidade do Interior do México), Pedro González Arriaga, foi preso e detido pelos habitantes do município de Siltepec, Chiapas, porque estavam fartos das violações nas suas promessas de campanha.

Os cidadãos ameaçaram que no próximo “eles se trasquilarão como ovelhas”.

“Quando ele era um candidato, ele assinou todos os compromissos, mas agora que ele é presidente, ele simplesmente não faz nada”, expressou as pessoas não-conformes.

Segundo os habitantes, todo o dinheiro é gasto para melhorar a presidência do município e com os filhos, em vez de ajudar as pessoas.

Os moradores solicitaram benefícios sociais e a pavimentação de dois quilômetros das estradas da cidade, mas González explicou que tal investimento causaria um desequilíbrio no orçamento do município.

O prefeito se ofereceu para pavimentar um quilômetro de estradas e trabalhar para obter recursos suficientes para atender às demandas da cidade. González retornou ao seu escritório, mas foi seguido por um grupo de moradores infelizes de várias cidades, que o agarraram e pelo menos quatro funcionários municipais e amarraram o prefeito a um posto na praça principal de Siltepec.

Fonte: VirtualMamore


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Contato Termos de uso