Aposentadoria especial de José Melo no valor de R$ 30,4 mil é suspensa pela Justiça do Amazonas

Foi estipulada multa diária de R$ 30 mil caso o Estado não cumpra a decisão. Melo ainda pode recorrer da decisão.
18/07/2019 18h15 - Atualizado em 19/07/2019 12h48

Foto: Reprodução


Redação AM POST *

O ex-governador do Amazonas, José Melo, cassado em 2017 pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por compra de votos nas eleições de 2014, teve o pagamento de aposentadoria especial no valor de R$ 30,4 mil mensais, suspensa pela Justiça do Amazonas, nesta quinta-feira (18).

A decisão é do juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública do Amazonas, Leoney Figliuolo Harraquian que atendeu a uma Ação Civil ajuizada pelo Ministério Público do Estado (MPE) no dia 25 de junho deste ano. De acordo com dados do Portal da Transparência do Estado, Melo recebia R$ 34 mil.

O magistrado também estipulou multa diária de R$ 30 mil caso o Estado não cumpra a decisão. O ex-governador cassado pode contestar a ação.

Tanto a defesa de José Melo quanto o Estado informaram que ainda não foram notificados sobre a decisão.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso