PT do Amazonas pode ter contas bloqueadas por não pagar divida

O partido tem um prazo de 15 dias para quitar multa no valor de R$ 7,2 mil.
05/07/2019 09h45 - Atualizado em 5/07/2019 17h47

Foto: Reprodução


Redação AM POST

A pedido da Advocacia Geral da União (AGU), o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE – AM) deu um prazo de 15 dias para o Partido dos Trabalhadores (PT) no Amazonas, pagar uma multa no valor de R$ 7,2 mil, resultante da desaprovação de contas da sigla referente ao ano de 2012.

Caso o diretório estadual PT-AM não pague a dívida, suas contas serão bloqueadas pelo TRE-AM. A decisão foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico do órgão nessa quinta-feira (4).

O partido foi condenado a fazer o pagamento à AGU em 2017 após ter as contas do ano de 2012 reprovadas pelo TRE-AM. Na época, além da multa, foi suspenso o repasse do Fundo Partidário para o PT.

Segundo o TRE-AM, o diretório ‘deixou passar o prazo de pagamento voluntário da obrigação’ e não quitou o débito.
A AGU apresentou ao Tribunal, uma petição que solicita a intimação do inadimplente e a quitação da dívida num prazo de 15 dias.

Após o prazo estipulado, se o devedor ainda não pagar a multa, será cobrado um juros de 10% sobre o valor a ser pago.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso