Vídeo: Irritado com bolsonarista, cientista político abandona debate de televisão

O apoiador de Lula, retirou o microfone da lapela e disse que “não debateria com um fascista”.
13/07/2019 16h20 - Atualizado em 14/07/2019 13h08
Foto: Reprodução

Redação AM POST *

O cientista político e professor universitário Rudá Ricci, que chegou a ser coordenador do Programa Agrário de uma das campanha do ex-presidente Lula (PT), abandonou o estúdio da TV Horizonte, de Belo Horizonte, durante um debate sobre os seis primeiros meses do governo Bolsonaro ao se irritar com os argumentos do advogado Victor Lucchesi, presidente do PSL Jovem em Minas Gerais. As imagens só foram divulgadas nesta sexta-feira (12).

A proposta do programa era contrapor as visões dos representantes da esquerda e direita. No entanto, o cientista político acabou abandonando o estúdio durante a discussão.

Rudá Ricci foi rebatido pelo apoiador de Bolsonaro ao mencionar suposta veia autoritária do presidente e atos de violência contra opositores.

“Onde e quando Bolsonaro disse que era para usar armas para suprimir o ponto contrário da democracia? Ele nunca falou de violência contra o outro lado. Ele fala de violência contra bandidos o uso de armas para se defender”, disse Lucchesi.

Questionado sobre uma vez em que o então candidato disse que “metralharia a petralhada”, o presidente do PSL Jovem disse se tratar de uma metáfora.

A declaração irritou o professor, que começou a retirar o microfone da lapela e disse que “não debateria com um fascista”. “Eu sou um democrata”, declarou. O apresentador tentou conter o convidado, mas não conseguiu. Lucchesi , por sua vez, sorriu e disse que “também era democrata.

O bolsonarista continuou no “debate ” por mais dois blocos, onde acabou sendo sabatinado pelos mediadores.

Veja vídeo:

*Com informações do IG


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

booked.net

Economia

Contato Termos de uso