Câmara de Eirunepé arquiva pedido de cassação do vereador Walter Cuiú, acusado de estupro

Ele teria mantido relações com uma jovem supostamente dopada num motel da capital amazonense.
14/08/2019 17h16 - Atualizado em 15/08/2019 13h28
Foto: Reprodução

Redação AM POST

A Câmara Municipal de Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus) decidiu arquivar nesta terça-feira (13/08), o pedido de cassação que pesava contra o vereador Walter Alexandre de Menezes (PSDB), mais conhecido como Walter Cuiú, suspeito de ter cometido um estupro na capital.

O pedido de cassação foi feito pela presidente da Comissão da Mulher, das Famílias e do Idoso da Assembleia Legislativa do Amazonas, deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB).

O caso “Walter Cuiú”, veio à tona no mês de abril. Ele teria mantido relações com uma jovem supostamente dopada num motel da capital amazonense. O vídeo vazou num grupo de Whatsapp e chegou à imprensa, dominando posteriormente o noticiário local e nacional.

Para que fosse cassado o parlamentar precisaria de pelo menos nove votos na Câmara Municipal. Apenas o vereador Antilde José Gomes (MDB) votou a favor da perda de mandato de “Walter Cuiú”.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso