Susam diz que não foi notificada sobre paralisação de serviços e que já pagou R$25 milhões à Instituto de Cirurgiões em 2019

O Icea anunciou que pretende paralisar parcialmente as operações nas Unidades de Pronto-Atendimento (UPA) e hospitais de Manaus a partir de sábado (3).
01/08/2019 14h57 - Atualizado em 1/08/2019 18h29
Foto: Divulgação

Redação AM POST –

Referente ao anúncio do Instituto de Cirurgiões do Estado do Amazonas (Icea) de que vai a partir de sábado (03/07) paralisar parcialmente as operações nas Unidades de Pronto-Atendimento (UPA) e hospitais de Manaus a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) emitiu nota nesta quinta-feira (1º) afirmando que somente em 2019 já pagou o valor de R$25 milhões a empresa.

Ainda de acordo com a Susam não houve notificação, até o momento, sobre a paralisação de serviços.

Leia nota na íntegra:
NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE PAGAMENTOS DO GOVERNO DO AMAZONAS AO ICEA

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) informa que não foi notificada pelo Instituto de Cirurgiões do Estado do Amazonas (Icea) sobre paralisação de serviços. Na atual gestão, a empresa tem recebido mensalmente, com regularidade. Somente este ano, o Icea já recebeu aproximadamente R$ 25,1 milhões, o que inclui duas parcelas de 2018, conforme compromisso assumido com as empresas pelo Governo do Amazonas no início do ano.

Conforme o Portal da Transparência do Governo do Amazonas, em 19 de junho de 2019, a empresa recebeu um pagamento de R$ 4.018.677,65. O último pagamento registrado à empresa foi em 17 de julho de 2019 referente a serviços no HPS 28 de Agosto, no valor de R$ 83.209,99.

Um novo pagamento referente ao contrato maior da Susam está previsto para os próximos dias, conforme cronograma de desembolso da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz). O valor apto é de aproximadamente R$ 4 milhões, referente aos serviços realizados em maio, cuja empresa deu entrada com a nota na Susam em 14 junho, portanto está no prazo previsto no contrato, que é de 3 meses para justificar quebra contratual.

Em 2019, as 17 empresas médicas que prestam serviços ao Estado já receberam cerca de R$ 234 milhões em pagamentos, conforme o portal da Transparência.

Valores pagos ao ICEA/ICEAM em 2019
01/02/2019 R$ 2.783.692,00
04/02/2019 R$ 92.763,18
04/02/2019 R$ 92.763,18
04/02/2019 R$ 64.510,43
05/02/2019 R$ 1.193.010,85
06/02/2019 R$ 57.862,02
08/02/2019 R$ 25.341,03
15/02/2019 R$ 92.763,18
15/02/2019 R$ 143.336,25
15/02/2019 R$ 62.775,00
14/03/2019 R$ 28.252,75
08/03/2019 R$ 4.105.754,21
05/04/2019 R$ 2.544.255,67
10/04/2019 R$ 1.189.342,04
17/04/2019 R$ 199.462,50
25/04/2019 R$ 4.101.879,20
25/04/2019 R$ 87.330,10
15/05/2019 R$ 4.142.477,98
19/06/2019 R$ 4.018.677,65
15/07/2019 R$ 83.209,99
Total: R$ 25.109.459,21

Fonte: Portal da Transparência http://www.transparenciafiscal.am.gov.br

*Não estão inclusos os pagamentos referentes aos serviços que a empresa presta ao Hospital da Zona Norte Delphina Aziz, cujo contrato é direto com Organização Social que gerencia a unidade.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso