Torcida do PSG xinga e pede saída de Neymar em jogo de estreia

Fãs do clube se mostravam favoráveis ao “divórcio” entre a direção e o brasileiro.
12/08/2019 08h17 - Atualizado em 12/08/2019 08h17
Foto: Reprodução

Um cartaz simplório erguido pela torcida do Paris Saint-Germain neste domingo (11), na estreia do time na temporada 2019/2020 do Campeonato Francês, resume o status da relação do clube com sua estrela: “Neymar, cai fora (casse-toi)”.

O atacante brasileiro não pisou no gramado do Parc des Princes. Na véspera, o novo diretor esportivo do PSG, Leonardo, tinha dito que o jogador só voltaria a defender a equipe quando fosse definido se ele fica em Paris ou vai embora (o mais provável).

A ausência do brasileiro foi compensada por lembranças insistentes, e hostis, em cantos e faixas de torcedores. Logo no começo da partida contra o Nîmes, uma ala do público xingou o jogador. Antes do jogo deste domingo, no entorno do estádio Parc des Princes, os torcedores do PSG se mostravam favoráveis ao “divórcio” entre a direção e o brasileiro.

Vários jornais europeus informaram no domingo que as negociações para a transferência de Neymar estariam mais avançadas com o Real do que com os catalães. Em Paris, os donos da casa não tiveram dificuldade em derrotar o fraco Nîmes, por 3 a 0 com gols de Cavani (pênalti), Mbappé e Di María.

Na entrevista coletiva após a vitória, o alemão Thomas Tuchel, técnico do PSG, saiu em defesa de Neymar.

– Entendo e não entendo [a reação da torcida]. Mas ele ainda é meu jogador. Sendo assim, vou sempre protegê-lo. Posso compreender que não gostem do que diz ou faz, mas é preciso encontrar outro nível para se expressar – afirmou.

Fonte: Folhapress


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso