Jornalista Celso Freitas critica Globo por omitir sua participação nos 50 anos do ‘Jornal Nacional’

Ele apresentou o telejornal entre 1983 – 1989 e não foi convidado para o evento de comemoração ao aniversário do noticiário.
06/09/2019 15h33 - Atualizado em 6/09/2019 15h33

Foto: Reprodução


Redação AM POST –

O jornalista Celso Freitas, comentou em entrevista ao “TV Fama” o fato de não ter sido convidado para o evento de comemoração ao aniversário de 50 anos do Jornal Nacional, que ele apresentou entre 1983 e 1989, período em que Sérgio Chapelin deixou a Globo para comandar um programa no SBT. Sequer seu nome foi mencionado nas edições comemorativas.

Atualmente ele é âncora do Jornal da Record, e atribui a mudança para a emissora rival como motivo para ter sido renegado.

“Não. Não fui convidado. Acho que sou considerado persona não grata. É lamentável que uma emissora que pratica o jornalismo, a gente aprendeu na faculdade que jornalismo é história, vira documento pra análise futura… Em momento nenhum eu ouvi citação do meu nome. Eu não gostaria de ser convidado. Até entendo que não caberia um convite. Mas a omissão de 32 anos dedicados a uma empresa… Eu emprestei meu talento, eu participei de grandes acontecimentos da história brasileira narrando, apresentando. E eles simplesmente escondem. Será que mudar de time é uma doença contagiosa?”, questionou o jornalista.

Veja vídeo:


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso