Assembleia Legislativa e Ufam firmam convênio para criação de curso de Pós-graduação

Deputado Josué Neto e o reitor Sylvio Pulga, assinaram convênio para especialização dos servidores do Parlamento nesta quarta-feira (9).
09/10/2019 17h29 - Atualizado em 9/10/2019 17h55

Foto: Divulgação


Redação AM POST*

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Josué Neto, e o reitor da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Sylvio Pulga, assinaram na manhã desta quarta-feira (9), um convênio para especialização dos servidores do Parlamento. Segundo o presidente além de promover o aperfeiçoamento profissional dos servidores “o intuito maior é melhorar os serviços prestados à população de todo o Amazonas”.

O primeiro curso, resultado da parceria, é o de Pós-graduação em Poder Legislativo e Políticas Públicas, na modalidade Latu Sensu, voltado exclusivamente para servidores da Aleam, de maneira gratuita. O edital para o preenchimento de 60 vagas será divulgado nesta quinta-feira (10) e no próximo dia 14 (segunda-feira), começam as inscrições que poderão ser feitas até o dia 17, diretamente no site da Aleam – na aba da Escola do Legislativo – ou na Gerência Didático-Pedagógica, na sede da Escola. O curso terá duração de 18 meses.

“É muito importante para nós deputados estarmos realizando esse convênio. Quando falamos em respeito aos servidores, estamos falando em conceder a eles todas as formas de engrandecimento profissional. Essa iniciativa, será revertida para a qualidade dos serviços prestados a comunidade amazonense”, comemorou Josué Neto.

Reitor da Ufam, Sylvio Puga, disse estar certo que a parceria renderá bons frutos para o Estado e agradeceu a confiança depositada na instituição, pelo Poder Legislativo.

Inscrições
Para se inscrever no processo seletivo, o candidato deve apresentar RG, CPF, cópia do crachá funcional, Curriculum Vitae no formato Lattes (lattes.cnpq.br) e o formulário de inscrição preenchido que será disponibilizado no site da Aleam ou fisicamente na Gerência Didático-Pedagógica da Escola do Legislativo.

Detalhes
De acordo com o diretor da Escola do Legislativo, José Lindoso, João Paulo Jacob, poderão concorrer à pós-graduação, servidores da Casa com formação em qualquer curso de nível superior. A seleção dos candidatos será feita por meio da aplicação de uma prova com 20 questões, sendo 15 de direito constitucional e 5 de língua portuguesa. “Será um processo seletivo em que se classificarão os que acertarem mais de 50% da prova, em ordem decrescente por nota, do primeiro ao último colocado, dentro do limite de 60 vagas”, esclareceu.

Estiveram também presentes o diretor da Faculdade de Direito da Ufam, Carlos Alberto Ramos Filho, o vice-diretor da Faculdade de Direito da Ufam, Adriano Fernandes, e o coordenador de pós-graduação da Ufam, Rafael Silva Menezes.

*Com informações da Assessoria de Imprensa


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso