Cliente de acadêmia fica preso por cerca de quatro horas no estabelecimento

Ele disse que, embora as luzes tivessem sido apagadas, ele procurou sua bolsa, tateando o banheiro já escuro, e que desceu as escadas 23h03, quando encontrou o local trancado.
10/10/2019 12h04 - Atualizado em 10/10/2019 12h04

Foto: Reprodução


Um homem relatou nas redes sociais que ficou cerca de 4 horas preso em uma academia no Centro de São Paulo na madrugada desta quarta-feira (9). A Smart Fit lamentou o ocorrido.

Pouco antes da meia-noite, o advogado escreveu em sua conta no Twitter que ficou preso na academia porque a equipe da unidade da Santa Cecília trancou a academia, mas não checou se havia alguém dentro. Ainda neste post, ele disse que aguardava a polícia o “salvar”.

Ele disse que, embora as luzes tivessem sido apagadas, ele procurou sua bolsa, tateando o banheiro já escuro, e que desceu as escadas 23h03, quando encontrou o local trancado.

“A academia deve ter os registros de vídeo, não tenho pq mentir. O horário de funcionamento é até as 23h, isso não implica que os funcionários saiam nesse horário. Existe todo um protocolo de fechamento e de verificação que todo estabelecimento comercial tem o DEVER de seguir”, argumentou.

Por volta da 1h, ele relatou em sua conta no Twitter que seguia preso e pediu ajuda a alguém que estivesse malhando em alguma unidade 24 horas da empresa.

Por volta das 4 horas desta quarta, ele relatou aos seus seguidores no Twitter como saiu da academia. “Saí bem humilhado por uma fresta que os policiais conseguiram fazer na porta pelo lado de fora”, e declarou que registraria um boletim de ocorrência pelo “constrangimento e ter meu direito de locomoção CERCEADO pela empresa”.

O G1 confirmou o relato com a SmartFit, que, em nota, lamentou o ocorrido e disse que está em contato com o aluno “para auxiliá-lo da melhor maneira possível”

A Polícia Militar disse ter recebido o chamado de um homem para atender a ocorrência às 23h23 desta terça-feira na academia, pois ele relatou ter ficado preso no local depois que os funcionários foram embora. Uma equipe do 77º Distrito Policial de Santa Cecília foi ao local.

Fonte: G1


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso