Confiança dos empresários de serviços recua 0,4 ponto, afirma FGV

A queda veio depois da alta de 1,7 ponto no mês anterior.
30/10/2019 12h50 - Atualizado em 30/10/2019 13h11

Foto: Reprodução


Agencia Brasil

O Índice de Confiança de Serviços, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), caiu 0,4 ponto na passagem de setembro para outubro e chegou a 93,6 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos. A queda veio depois da alta de 1,7 ponto no mês anterior.

A queda da confiança atingiu empresários de oito das 13 principais atividades pesquisadas pela FGV.

O recuo do indicador foi provocado pela queda da confiança no futuro, medida pelo Índice de Expectativas (IE-S), que caiu 3,6 pontos em outubro e chegou a 94,6 pontos, menor nível desde maio deste ano (92).

Já o Índice de Situação Atual, que mede a confiança no momento presente, subiu 2,8 pontos, para 92,7 pontos.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada do setor de serviços avançou 1,3 ponto percentual em outubro, para 82%, e interrompeu a sequência de queda dos três meses anteriores.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso