Dono de ponto comercial é preso após causar prejuízo de R$ 70 mil à concessionária de energia em Manaus

Helder Costa e Oliveira, 40, foi preso em flagrante por furto de energia elétrica.
15/10/2019 13h09 - Atualizado em 15/10/2019 13h09

Foto: Divulgação


Redação AM POST

Na tarde de segunda-feira (14/10), por volta das 13h, policiais civis da Delegacia Especializada em Combate ao Furto de Energia, Água, Gás e Serviços de Telecomunicações (DECFS), peritos do Instituto de Criminalísticas (IC) e servidores da Amazonas Energia, realizaram inspeção em um ponto comercial, situado na rua Doze, bairro São José, zona leste de Manaus. Durante vistoria, o proprietário do estabelecimento, Helder Costa e Oliveira, 40, foi preso em flagrante por furto de energia elétrica. A prática do delito causou prejuízo estimado em R$ 70 mil à concessionária de energia.

De acordo com o titular da DECFS, delegado Paulo Benelli, que coordenou a ação policial, Helder acompanhou todos procedimentos de inspeção. Na ocasião, foram identificadas ligações irregulares do abastecimento de energia no estabelecimento comercial, que funciona como frigorífico.

“As equipes envolvidas na ação constataram a existência de um desvio de três fases, derivando do barramento. Havia um medidor com o lacre violado, o que possibilitava ao proprietário do estabelecimento o furto de energia. Diante desses fatos, dei voz de prisão a Helder”, explicou o delegado.

Flagrante – Helder foi autuado em flagrante por furto. Conduzido à sede da DECFS para os procedimentos cabíveis, o indivíduo foi liberado após pagar fiança no valor de R$ 3 mil. Ele irá responder ao processo em liberdade.

* Com informações da Assessoria de Imprensa


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso