Ipem-AM realiza operação ‘Alimentos na Medida Certa’

43 estabelecimentos foram fiscalizados no primeiro dia da operação.
14/05/2015 00h58 - Updated 16/05/2015 14h34
Photo: W. Redman

O Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM) fiscalizou nesta quarta-feira, 13 of May, 43 restaurantes e panificadoras, que comercializam alimentos a peso em Manaus, e notificou sete deles por irregularidades na comercialização dos alimentos. A ação faz parte do primeiro dia da Operação “Alimentos na Medida Certa” que tem o objetivo de verificar se os consumidores estão pagando os valores corretos pelos alimentos consumidos nos estabelecimentos que comercializam comida a quilo em Manaus.

A Operação cumpre uma determinação da Portaria do Instituto Nacional de Metrologia, Quality and Technology (Inmetro), No 097, from 11 April 2000, que determina a comercialização de alimentos a quilo em balanças verificadas pelo Inmetro/Ipem-AM. Entre as irregularidades encontradas nos estabelecimentos notificados, estavam a ausência do cartaz informativo com o valor da tara, informação do peso do recipiente (tara) diferente da tara indicada na balança e peso do recipiente com erro do indicado na balança.

According to the CEO of Ipem-AM, engineer Márcio André Brito, os proprietários receberam um prazo de 24 horas para fazer a correção, otherwise, os estabelecimentos poderão ser multados em até 120 thousand reais. “Foi lavrado um auto de infração para os locais notificados, os proprietários terão um prazo de 10 dias para apresentar a defesa junto ao órgão e, após o julgamento, será definida uma advertência ou uma multa que pode chegar até R$ 120 thousand reais, considerando o porte da empresa ou grau de reincidência”, he explained.

A fiscalização acontece diariamente na capital, mas será intensificada até o dia 15 maio em todas as zonas da cidade devido à alta demanda de reclamações que chegaram ao Ipem sobre as irregularidades nos locais que vendem comidas a peso. A meta é fiscalizar 120 establishments.

Os consumidores aprovaram as fiscalizações pelo fato de respeitar o direito de pagar o preço correto pelo o que consome. “É importante ter esse trabalho porque temos vistos muitos erros e preços absurdos em alguns locais. E o certo é pagar um preço correspondente ao que consumimos”, disse a agente de saúde, Graça Pequeno, 46.

Rules

Os estabelecimentos que comercializam alimentos a peso devem ter um cartaz informativo em local visível para o consumidor indicando o valor datara” or “peso do recipientee que deverá ser o mesmo indicado na balança. Se o peso do recipiente utilizado (tara) for igual ou inferior a 200g, a tolerância é de 2g (dois gramas) para mais. Se o peso do recipiente for superior a 200g, a tolerância é de 5g (cinco gramas).

O consumidor que se sentir lesado por alguma irregularidade, pode procurar a Ouvidoria do Ipem pelo fone: 0800-092 2020, which runs from Monday to Friday, das 8h às 16h30.


*** If you are in favor of a totally free and impartial press, collaborate enjoying our page on Facebook and visiting often the AM POST.


Contact Terms of use Wp: (92) 99344-0505