Procon-PM warns public consultation on the collection of broadband internet

Se medidas anunciadas por operadoras se concretizarem, resultarão prejuízos incontáveis aos consumidores.
14/06/2016 11h52 - Updated 14/06/2016 11h54
Photo: reproduction

Após a divulgação, pelas operadoras de telefonia quanto às mudanças na forma de cobrança dos serviços de banda larga, os Procons de todo o país se mobilizaram nesta sexta-feira em SP contrários a medida, que se concretizadas, resultarão em incontáveis prejuízos aos consumidores.

Além da mobilização contra a citada mudança, a Associação Brasileira de Procons – Proconsbrasil, entidade que representa os órgãos de defesa do consumidor, vem participando de um Grupo Técnico que tem como objetivos aprofundar a análise em relação a modificação na forma de cobrança pelo serviço de internet banda larga, bem como definir quais serão as medidas tomadas em face das operadoras de telefonia.

Uma das conquistas já conseguidas pelos órgãos de defesa do consumidor é o recuo da Anatel em relação ao tema, com a proposta de realização de uma consulta pública. Until then, a agência vinha se manifestando favorável a conduta pretendida pelas operadoras, conforme se posicionou publicamente o seu presidente. Fato que foi repudiado de maneira veemente pelos Procons.

According to Fernandes Rosely, Secretária Executiva do PROCON/AM é fundamental que a sociedade participe desta consulta pública, que estará disponível no sítio eletrônico da Anatel nos próximos dias.

Os consumidores devem estar atentos e esse é o momento de lutar contra a mudança na forma de cobrança, pois no modelo pretendido, as empresas poderão reduzir ou até mesmo cortar o acesso quando o consumidor chegar ao final da franquia contratada, o que é extremamente preocupante, pois além de ferir os direitos dos consumidores, a prática fere também o Marco Civil da Internet.


*** If you are in favor of a totally free and impartial press, collaborate enjoying our page on Facebook and visiting often the AM POST.


Contact Terms of use