Medeiros has Xinaik year accounts 2013 reproved by TEC-AM

Foram encontradas irregularidades nas contas do ex-prefeito de Iranduba, como fraudes em licitações e superfaturamento de contratos.
08/06/2017 11h40 - Updated 8/06/2017 15h18
Photo: reproduction

The Amazonas State Court (TCE-AM), reprovou por unanimidade na manhã desta quinta-feira (8), as contas do exercício de 2013 do ex-prefeito de Iranduba, Xinaik Medeiros.

Mário Filho, relator da prestação de contas de Xinaik terá que devolver aos cofres públicos mais de R$ 19 millions, por terem sido encontradas irregularidades como fraudes em licitações e superfaturamento de contratos.

O ex-prefeito pode recorrer da decisão, mas mesmo assim o processo será encaminhado para o Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), que vai instaurar uma ação para apurar improbidade administrativa por parte do ex-gestor.

Source: AM POST Writing


*** If you are in favor of a totally free and impartial press, collaborate enjoying our page on Facebook and visiting often the AM POST.


Contact Terms of use Wp: (92) 99344-0505