acting governor shows positive results after three months of management

David says that combating tax evasion has allowed the collection of Amazonas increased without tax adjustment.
10/08/2017 10h13 - Updated 10/08/2017 17h06
Photo: reproduction

The acting governor, David Almeida (PSD), He reaffirmed that will deliver the State Government better than received from the hands of the impeached José Melo (Pros) e já apresentou resultados positivos após três meses de gestão na tarde desta quarta-feira (9), a news conference.

In July this year, o Estado gastou 45,95% de sua Receita Corrente Líquida (RCL) com folha de pagamento e com previdência dos servidores. O dado positivo deixa o Amazonas abaixo do limite prudencial de 46,5% the first time since 2015.

Were 29 meses gastando mais que 46,5% de sua receita com salários e com a previdência, conforme balanço divulgado hoje pelo Governador David Almeida. O o pior momento foi em abril de 2016, quando o Estado usou 48,89% de seus recursos para este fim, engessando investimentos em outras áreas e coibindo eventuais promoções e reajustes.

No mês de julho deste ano, the 45,9% gastos com pagamento representaram um valor total de R$ 6,779 billion. A variação, em comparação com julho passado, it's from 3,81%. Para David Almeida, o resultado foi possível graças a uma melhoria na arrecadação sem aumento de impostos.

Para manter o equilíbrio das contas do estado, o governador destacou a criação do Comitê Interinstitucional de Recuperação de Ativos (Cira) para combater crimes de sonegação de impostos. According to him, o comitê já investiga o não repasse de R$ 300 milhões por empresários aos cofres públicos estaduais.

Isso foi possível combatendo a sonegação através dos mecanismos de fiscalização. Aumentamos a arrecadação sem aumentar os impostos, além das distribuições de renda para a população. E semanalmente nós nos reunimos para discutir e trocar informações sobre os serviços dos estados, a distribuição de serviços de saúde, education, segurança e produção”, said David Almeida.


*** If you are in favor of a totally free and impartial press, collaborate enjoying our page on Facebook and visiting often the AM POST.


Contact Terms of use