STF Minister opens inquiry into José Serra

O senador teria cometido crime eleitoral de caixa 2. O pedido de abertura foi feito pelo procurador-geral da República (PGR), Rodrigo Janot.
29/08/2017 10h01 - Updated 29/08/2017 10h01
Photo: disclosure

Minister of the Supreme Court (STF) Rosa Weber decidiu autorizar abertura de inquérito para investigar o senador José Serra (PSDB-SP) the alleged cash electoral crime 2. O pedido de abertura foi feito pelo procurador-geral da República (PGR), Rodrigo Janot, com base nas delações da empresa JBS. A decisão foi assinada no dia 18 Of this month.

De acordo com a PGR, em um dos depoimentos de delação, Joesley afirmou ter “acertado pessoalmente com o senador José Serra” uma contribuição de R$ 20 million for the presidential campaign 2010, of which R $ 13 milhões foram repassados como doação oficial e aproximadamente R$ 7 millions, via caixa 2, through fraudulent invoices.

Em nota divulgada por meio de sua assessoria, Serra said that there were no financial irregularities in his campaign.

“Senator José Serra reiterates that all election campaigns were conducted within the law, with finances under party liability. E sem nunca oferecer nenhuma contrapartida por doações eleitorais.”, the statement said.

André Richter – Agency Brazil


*** If you are in favor of a totally free and impartial press, collaborate enjoying our page on Facebook and visiting often the AM POST.


Contact Terms of use