EN decides not to support candidates of the second round and maintain José Ricardo coherent speech to 2018

In addition to not support them the legend also forbade its members to get involved in the campaign of the caciques.
12/08/2017 13h51 - Updated 14/08/2017 14h02
Photo: reproduction

Após quase uma semana de espera depois da eleição o diretório estadual do PT decidiu não apoiar nenhum dos candidatos que foram para o segundo turno do pleito suplementar Amazonino Mendes (PDT) and Eduardo Braga (PMDB).

A intenção do PT em se manter neutro neste segundo turno da eleição é preservar discurso de oposição aos caciques de seu potencial candidato a governador, Jose Ricardo, e deixá-lo competitivo para a próxima disputa eleitoral que será em 2018.

No primeiro turno do pleito José Ricardo ficou em quarto lugar na votação geral e em segundo lugar na capital, deixando para trás a candidata do governo, Rebecca Garcia (PP), e o senador e ex-governador Eduardo Braga.

O legado político conquistado nesta eleição pelo PT, demonstra que uma parcela significativa da população do Amazonas confia nas proposta e na gestão transparente que o Partido dos Trabalhadores defende como forma de governar”, afirmou o partido em sua resolução política.

O documento afirma também que, os municípios amazonenses que tenham prefeito, vice prefeito e vereadores do PT, e que tenham interesses motivados por questão regional, devem solicitar à Comissão Executiva Estadual do Amazonas, que autorizará ou não o possível apoio.

Proibição em Itacoatiara
Além de não apoiar os candidatos a legenda também proibiu os seus filiados de se envolverem na campanha dos caciques. O prefeito de Itacoatiara, Antonio Peixoto, tentou junto ao PT obter liberação para apoiar Braga mas não conseguiu.

AM POST Writing


*** If you are in favor of a totally free and impartial press, collaborate enjoying our page on Facebook and visiting often the AM POST.


Contact Terms of use Wp: (92) 99344-0505