08/05/2015 11h34 - Actualizado 9/04/2016 12h13

José Ricardo vota contra projeto do Executivo

Projeto visa ampliar em 30% subsídio para empresas de transportes.
foto: revelación
foto: revelación

O líder da bancada do PT na Assembleia Legislativa deputado José Ricardo Wendling, foi o único a votar contra os dois projetos de Executivo Estadual, expostos a votação na Assembleia Legislativa do Amazonas (peligro), nesta quinta-feira e que foi aprovado pela maioria dos deputados.

Os dois projetos do Executivo estadual, visam a ampliação em 30% do valor do subsídio mensal que o Governo do Estado concede há um ano e cinco meses às empresas do transporte coletivo, de R $ 1 milhão para R$ 1,3 milhão mensais, como ainda que concede isenção total sobre o IPVA dos ônibus no exercício de 2015.

“Não sou contra o repasse desses valores, se de fato forem necessários para melhorar o serviço, mas defendo que seja avaliada a aplicação destes recursos antes de conceder qualquer incentivo a mais para tentar manter a tarifa em R$ 3,00”, dijo el parlamentario.

José Ricardo ainda destacou que mesmo com todo esse incentivo a tarifa já foi reajustada de R$ 2,75 para R$ 3. Ele também argumentou que as empresas atualmente recebem mais de R$ 60 milhões entre subsídios e incentivos: benefícios estaduais de cerca de R$ 26 millones / año (renúncia do ICMS do combustível), $ adicional 5 millones / año (renúncia de IPVA) y otra 12 milhões/ano em subsídios, somando quase R$ 44 millón; além da parte da Prefeitura, que são outros R$ 12 millones / año, e os benefícios de PIS/Cofins do Governo Federal.

O deputado relatou sobre a importância de se discutir em Audiência Pública a prestação de serviços e a planilha de custo das empresas, “temos que saber onde estão sendo investidos esses benefícios. Porque Manaus tem uma das tarifas mais caras e um dos piores serviços de transporte”, declarado.

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505