Licitação para novos quiosques da Ponta Negra acontece no dia 15

O edital e seus anexos estão disponivéis de forma gratuita no site do Implurb.
11/06/2015 07h02 - Actualizado 11/06/2015 14h07
foto: revelación

el lunes próximo, 15, o Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) realiza sessão pública para o recebimento e abertura das propostas da licitação de seis novos pontos comerciais instalados na segunda etapa do Complexo Turístico Ponta Negra, zona Oeste. Desde que foi lançada, en mayo, a concorrência pública teve amplo acesso, com o edital e seus anexos disponibilizados gratuitamente no site implurb.manaus.am.gov.br.

Os quiosques já estão prontos no complexo, construídos com novo padrão arquitetônico, que incluye una terraza con mesas y zona de cubierta, além de um módulo pré-fabricado de container, sendo cinco destinados à alimentação e um para loja de conveniência. Os pontos comerciais foram construídos via medida compensatória, por empresas privadas, sem dinheiro público. As empresas realizaram a construção dentro dos padrões especificados para a obra.

A concorrência de outorga de permissão de uso onerosa é do tipo maior oferta, voltada para pessoas jurídicas, exclusivamente. A sessão pública, presidida pela Comissão de Licitação do Implurb, acontecerá às 9h, no auditório da Universidade Nilton Lins (de. professor Nilson Lins, 3.259 – Bloco D), Parque das Laranjeiras, Centro-Sur. Dúvidas podem ser tiradas pelo telefone (92) 3625-4629, en horario de oficina.

El concurso de licitación es promover la competencia más amplia y sin restricciones entre los participantes y, por consecuencia, el aumento de los ingresos para la ciudad. A proposta é também otimizar a distribuição dos pontos comerciais ao longo de toda a extensão do complexo, no intuito de melhor atender aos frequentadores.

Os pontos são padronizados e funcionarão em modelos tipo container, de maior durabilidade e melhor manutenção, com a melhor relação custo benefício.

Os novos quiosques serão entregues prontos aos futuros permissionários, que entrarão com a operação comercial. O projeto arquitetônico é do Implurb e os seis mobiliários já estão construídos na segunda etapa.

A variedade de negócios também marca esta licitação, que prevê lojas de temakeria, lanchonete, choperia, tacacaria, sorveteria e loja de conveniência.

Os processos licitatórios reforçam o compromisso da Prefeitura de Manaus em garantir tratamento isonômico a todos os que queiram explorar atividade comercial em espaços públicos, seguindo as regras da Lei Geral de Licitações e da própria Constituição Federal.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505