26/08/2015 16H47 - Actualizado 27/08/2015 09h49

El gobernador tiene audiencia con Dilma y tratará de liberar los préstamos al Estado

Dilma cancelou a liberação dos empréstimos há duas semanas.
foto: reproducción
foto: reproducción

Na segunda semana de agosto, financiamentos para projeto de infraestrutura para o Amazonas foram cancelados pela presidente Dilma Rousseff (PT) y el gobernador José Melo (PROS) sinalizou que iria até Brasília tentar a liberação dos empréstimos.

El miércoles (26), o governador tem uma audiência marcada com a presidente, onde tratará sobre a liberação de um montante de US$ 1,2 bilhões que devem ser usados para obras de infraestrutura. O recurso deve também ser aplicado nas áreas de educação, produção rural e logística. Além de dar início a segunda fase da Cidade Universitária, duplicação da AM-010 e dar continuidade a um programa de piscicultura no interior.

Em reunião com os governadores de todo o Brasil, a finales de julio, Dilma afirmou que as propostas de financiamentos seriam autorizadas, lo que no ocurrió. ahora, Melo aproveitará a audiência para tratar sobre diversas questões referentes ao Amazonas e tentará a liberação dos recursos.

Manaus
José Melo também irá em busca de recursos para execução de 80 projetos para a cidade de Manaus, que incluem investimentos amplos na estrutura da capital que irá receber jogos do torneio de futebol das Olimpíadas 2016.

Com os empréstimos, o Governo do Estado também pretende investir nas obras do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (PROSAMIM).

Os financiamentos estão sendo analisados pelo Tesouro Nacional. Somente após aprovação da situação fiscal do Estado, os empréstimos podem ser autorizados.

fuente: Escribir AM Mensaje

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505