El hombre que mató “era” no dia 2 Mayo es arrestado en Manaus

Segundo a PC, o criminoso alegou que agiu motivado por vingança
10/08/2015 15H47 - Actualizado 10/08/2015 15H47
foto: PC estreno

Leonan da Silva Farias, 18, foi preso no início da tarde do último sábado, día 8, por policiais civis lotados na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs), en cumplimiento de la orden de detención preventiva, emitida por el juez Anésio Rocha Pinheiro, do 2º Tribunal Júri. O jovem é apontado como autor do homicídio de Roberto Campos Silva, que era conhecido como “Bola” e tinha 19 anos quando o crime aconteceu, no dia 2 Mayo de este año.

La acción, coordenada pelos delegados da DEHS Ivo Martins e Daniel Leão, respectivamente titular e adjunto da unidade policial, foi desencadeada por volta de meio-dia, quando Leonan foi encontrado em uma estância, situada no Beco Monsenhor Pinto, en el barrio de la Paz, ciudad del Medio Oeste.

Según Ivo Martins, o delito ocorreu na madrugada do dia 2 mayo, na Rua Amor Agarradinho, antiga Rua Quatro, no mesmo bairro onde Leonan foi preso. Durante una rueda de prensa en la mañana del lunes, día 10, na sede DEHS, a autoridade policial disse que o infrator alegou que agiu motivado por vingança.

“Leonan soube que a vítima estava naquela área da cidade e pegou uma arma de fabricação caseira. Em seguida efetuou um disparo que acertou o peito de Roberto, que ainda conseguiu pular um muro, mas morreu no terreno de uma autarquia municipal. O infrator argumentou que a vítima, otra vez, teria desferido vários golpes nele, utilizando um gargalo de garrafa. Por conta disso Leonan resolveu matar Roberto”, Said Martins.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505