31/08/2015 19h25 - Actualizado 31/08/2015 19h25

MP investiga aplicação de recursos da Educação em Guajará e Tefé

Dois inquéritos foram instaurados nesta segunda-feira (31).
foto: revelación
foto: revelación

El fiscal de Amazonas (MP-AM) instaurou nesta segunda-feira (31) dois inquéritos civis para apurar irregularidades na aplicação de recursos destinados à educação nos municípios de Guajará e Tefé. Entre as irregularidades estão compra de material escolar sem licitação.

No caso de Guajará, o MP instaurou um Inquérito Civil Público para apurar a aplicação dos recursos na área de educação, devido anecessidade de se identificar o motivo pelo qual, apesar dos altos e crescentes investimentos financeiros do Ministério da Educação, o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) do Município de Guajará foi de apenas 3,7 no ano de 2013”, conforme consta na portaria publicada no Diário Oficial do MP nesta segunda-feira. O inquérito também tem o objetivo de instalar o Projeto Ministério Público pela Educação nas escolas do município.

O promotor de Justiça do município de Tefé, Márcio Pereira de Mello, também instaurou nesta segunda-feira um inquérito civil para apurarapossíveis irregularidades no Processo licitatório nº 220/2015, que trata de dispensa de licitação para aquisição de livros didáticos para a rede municipal de ensino do Município de Tefé, en el año 2015.

A reportagem tentou contato com ambas as prefeituras na tarde desta segunda-feira, para mais detalhes e esclarecimentos sobre os dois inquéritos, sin éxito.

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505