07/10/2015 11H41 - Actualizado 5/05/2016 03h34

Governo diz que não há falta de material e medicamentos nas unidades de saúde do Estado

A través de nota, a Susam informou que está aberta ao diálogo com médicos.
foto: reproducción

A Secretaria de Estado da Saúde (sésamo) informa que não há registro nas unidades de falta de material e medicamentos, como antibióticos, ou outro item que venha a comprometer o trabalho dos profissionais da saúde. Esclarece, todavía, que a Susam está aberta ao diálogo e que hoje, inclusivo, Secretario de la carpeta, Pedro Elias, conversou com o presidente do Sindicato dos Médicos, Mário Viana.

Quanto aos pagamentos de salários, el Departamento de Finanzas (Se hace) informou que não procede a informação de atraso de três meses para pagamento de cooperativas médicas de urgência e emergência.

A Sefaz assegurou que alguns pagamentos não foram realizados no prazo em razão de transição da gestão na Susam, o que atrasou o trâmite burocrático para liberação de recursos. Assegurou, todavía, que todas as pendências salariais serão regularizadas até a sexta-feira, día 9 Octubre.

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505