MP-AM investiga irregularidades cometidas por el alcalde Apuí

As irregularidades se configuram como uso indevido da máquina e enriquecimento ilícito.
22/10/2015 12H26 - Actualizado 23/10/2015 10h44
foto: Portal Rio Madeira

El Fiscal del Estado de Amazonas (MP-AM) abriu um Inquérito Civil para investigar diversas irregularidades na aplicação de recursos públicos no município de Apuí (distante 455,78 kilómetros de la capital), que se configuram como uso indevido da máquina pública e enriquecimento ilícito.

A portaria foi publicada no dia 21 de outubro no Diário Oficial Eletrônico do MP-AM e tem o objetivo de investigar o mau uso de recursos administrados pelo atual prefeito de Apuí, Adimilson Nogueira (LA).

Según la publicación, as informações de irregularidades chegaram ao órgão ministerial por meio de denúncias do vereador do município Cleves Pires. A partir dessas denúncias o MP-AM resolveu abrir inquérito para apurar as irregularidades.

O prefeito deverá ser notificado sobre as irregularidades apontadas na representação. O promotor Marcelo Augusto Silva de Almeida é o responsável pelo inquérito.

fuente: Escribir AM Mensaje


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


contacto Condiciones de uso