28/01/2016 15h13 - Actualizado 28/01/2016 15h13

Seduc realizá ações de prevenção a DST’s na semana do carnaval

Outras entidades também irão colaborar durantes as ações.
foto: revelación
foto: revelación

Objetivando sensibilizar os foliões e a população em geral a Secretaria de Estado de Educação (Seducción) em parceria com entidades colaboradoras promoverá na semana do carnaval ações socioeducativas evidenciando a necessidade de medidas preventivas contra doenças sexualmente transmissíveis (DST’S). Dentre as ações estão previstas panfletagens, divulgação de material informativo para servidores da educação e também distribuição de preservativos.

As iniciativas programadas contarão com a colaboração com a Coordenação Estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, el Departamento de Salud del Estado (sésamo), da Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejusc) e demais órgãos.

Conforme uma das representantes do Programa de Educação e Saúde, desenvolvido pela Seduc, Delta Segadilha, as atividades já vêm sendo desenvolvidas e serão intensificadas na semana do carnaval. “É uma ação coletiva realizada por técnicos de várias secretarias estaduais. Estas pessoas, nos órgãos em que atuam, já realizam ações no decorrer do ano e neste período carnavalesco intensificarão os trabalhos de prevenção, visto que é um período em que o trabalho informativo deve ser intensificado”, reportado.

Segundo os coordenadores das iniciativas que envolvem várias secretarias estaduais, além de dar evidência à questão preventiva, também são trabalhadas no período do carnaval campanhas para denunciar e combater o trabalho infantil e fortalecer a luta contra a violência contra a mulher.

De acordo com os coordenadores do programa Educação e Saúde, desenvolvido pela Seduc, as ações serão reforçadas na primeira semana de fevereiro, nos dias de desfile das escolas de samba onde, el Sambódromo, os órgãos colaborativos realizarão panfletagem e distribuição de preservativos aos foliões.

O objetivo maior da campanha, de acordo com a coordenadora estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, Silvana Lima, é estimular o uso do preservativo como meio de proteção, não apenas durante o Carnaval, mas o ano inteiro. “A população precisa se conscientizar da importância do uso do preservativo, principalmente em uma época de carnaval, em que as pessoas costumam se envolver em situações de maior vulnerabilidade”, dijo.

Como ocorre em todos os anos, a Seduc também está projetando uma ação socioeducativa, que será conduzida por sua Gerência de Valorização dos Servidores (Gervs/Seduc) e que será direcionada aos funcionários públicos que atuam na sede do órgão, en el barrio de Japiim, zona sur de Manaus.

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505