15/02/2016 20h18 - Actualizado 17/02/2016 12h37

“No se ajusta haber perdido por 180 mil votos”, Henry dice acerca de Braga

Vice-governador fez críticas a Braga e disse que elenão tem capacidade de governar”.
foto: Filipe Jazz
foto: Filipe Jazz

El vicegobernador Henrique Oliveira (SDD) dicho, el lunes (15), durante su intervención en la reapertura de una escuela pública en el sur de Manaus, el proceso acompañado por el ahora ministro Eduardo Braga (PMDB) na Justiça Eleitoral é uma tentativa dedesestabilizaro governo de José Melo (PROS).

Mesmo com tantos problemas, com tantas demandas sociais ainda tem gente que não se conforma de ter perdido por 180 mil votos”, disse ele se referindo a Eduardo Braga, adversário do governador José Melo nas eleições de 2014.

Oliveira disse ainda que Braga não teria acapacidadede governar o Amazonas com o orçamento atual. “Tenho certeza que ele não busca um mandato, porque ele não tem capacidade para governar um Estado com R$ 1,5 bilhão a menos na arrecadação. O que ele busca é desestabilizar nosso governo” dijo.

Henrique falou durante o evento de reinauguração da primeira escola pública bilíngue em japonês do Brasil, a Escola Estadual de Tempo Integral Djalma da Cunha Batista, localizada no Coroado I, em frente a Universidade Federal do Amazonas (confío). Melo, que estava no evento, agradeceu o apoio e se limitou a falar sobre os investimentos que fará na educação, cerca de R$ 280 millón.

Durante o seu discurso o microfone do vice-governador falhou, e ele brincou e arrancou risos do presentes quando disse: “Ainda bem que não foi a energia elétrica”.

Omar defende

No último sábado, foi o ex-governador e hoje senador Omar Aziz (PSD) que saiu em defesa de Melo. Omar disse que ficaria envergonhadode ser governador no tapetão”, se referindo a Braga que assumiria caso Melo fosse afastado. Para Omar houve falhas na apuração do processo no TRE.

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505