19/03/2016 13h15 - Actualizado 19/03/2016 13h53

Homens assumem que cozinham e contam como surgiu o amor pela gastronomia

Alguns aprenderam os mistérios da gastronomia por necessidade porque saíram da casa dos pais, outros viram que a gastronomia ajudou a aumentar a renda.
foto: colección personal
foto: colección personal

Não é de hoje que os homens tem assumido que sabem cozinhar, gostam e mandam bem. Alguns aprenderam os mistérios da gastronomia por necessidade porque saíram da casa dos pais, outros viram que a gastronomia ajudou a garantir a renda da família em tempos de dificuldade. Independente do motivo, os dois jovens que são personagem da matéria de hoje são apaixonados pela culinária.

O estudante universitário Ricardo Mota, 25, revela que vem de uma família humilde e na sua infância seus pais passaram por um período de dificuldade. O jovem conta, cheio de orgulho, que sua mãe sempre cozinhou muito bem e percebeu que poderia aumentar a renda da família cozinhando.

“Estávamos passando um perrengue financeiro na minha infância. Um tio meu vendo nossa situação pediu que minha mãe fizesse um bolo para o lanche da tarde que ele pagaria. Ela foi muito cautelosa, fez o bolo com muita dedicação para que tudo saísse perfeito. Ela percebeu que aí surgia uma oportunidade. Desde então eu venho me apaixonando pela gastronomia”, disse emocionado.

O perrengue ficou no passado. Hoje a família não trabalha mais com gastronomia, mas a paixão do jovem pela culinária só aumenta. Tanto que a cada festa de família, aniversário da noiva ou dos amigos seus quitutes marcam presença.

Ricardo não pode ouvir falar em festinha que já se prepara para fazer algo. E o que ele mais gosta de fazer são bolos e não são aqueles bolos apenas de chocolate não, são bolos cheios de camadas, recheios e tudo mais. A criatividade tem surpreendido a família e amigos a cada festa.

12516022_949693065125853_1900298419_n

“Às vezes tem aquela desconfiança. Eles não acreditam que sou eu, talvez falem só para brincar (Risos). Mas no final todo mundo gosta. Lembro que já tive já fui na casa de amigos e tive que cozinhar lá só para provar que homem cozinha”, cuenta.

A cozinha é um escape para o jovem. Según él, quando entra na cozinha e começa a pegar os ingrediente e pensar no que irá fazer, os problemas do dia a dia desaparecem. É uma terapia. “É relaxante.. Você esquece as coisas, fica mais de boa fazendo o que te dá prazer, sem preocupações. Gosto muito mesmo de cozinhar, principalmente bolos”.

Além do exemplo da mãe, Ricardo revela que assiste vídeos na internet para se especializar e melhorar o que já faz.

A necessidade foi a motivação, mas depois virou paixão

12825150_949693248459168_340580275_n (Dupdo)

O advogado Stanley Braga Filho, 26, teve que aprender “na marra”, Hace tres años, quando saiu da casa dos pais para fazer intercambio na Espanha. Antes disso o jovem só mandava bem nos miojos e ovos cozidos. “A necessidade foi a motivação. Tive que me aventurar na cozinha, já que viver de sanduíche e tapas (petiscos espanhóis) não era muito viável e barato”, recordar.

O jovem advogado contou com dicas valiosas do pai que cozinha muito bem e se aventura na cozinha da família. “Tive a ajuda dele, mas também assistia muitos canais de culinária. Hoje o que mais gosto de assistir na TV são programas de gastronomia, para mim não tem programação melhor. Sempre aprendo algo novo”, dicho.

Stanley voltou para Manaus após o intercambio e surpreende os amigos e a família com os pratos que aprendeu e outros que se arrisca a preparar. O que mais gosta de cozinhar são carnes e massas, bem temperadas. “Gosto de sentir misturas e sensações diferentes no paladar, meu prato favorito é carneiro. Remete muitas histórias da infância e sempre que faço é sucesso na família”, cuenta.

O advogado também gosta de cozinhar para os amigos, sempre que tem uma folga do trabalho ele não pensa duas vezes e parte para a cozinha. “Eu almoço fora por causa do trabalho. Então sempre que tenho a oportunidade preparo algo, sempre que meus amigos aparecem aqui em casa tem um petisco”.

O melhor da gastronomia segundo os jovens entrevistados é poder reunir as pessoas que são importantes, hablar, compartilhar histórias e comer bem, muito bem.

12674309_949693251792501_1039152292_n (Dupdo)

 

fuente: AM Mensaje

*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.

Ultimas Noticias

contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505