Após TJ-AM reajustar a tarifa de ônibus para R$3,54 prefeitura promete entrar com recurso contra o aumento

A decisão liminar é assinada pelo desembargador Ari Moutinho.
08/04/2016 17h37 - Actualizado 8/04/2016 19h05
foto: revelación

Após o Tribunal de Justiça do Amazonas aceitar o pedido das empresas de transporte coletivo de Manaus e reajustar a tarifa em 12,37%, e com isso, o preço da passagem passando a ser de R$ 3,54, uma vez que o cálculo é feito em cima da tarifa técnica, que es R $ 3,15, a Procuradoria do Geral do Município divulgou nota à imprensa informando que a Prefeitura de Manaus ainda não foi notificada sobre a decisão e promete entrar com recurso.

“Não tomamos ciência da decisão. Vamos analisar para tomar as providências indicadas na ordem, de lunes, para então manejarmos o recurso”, disse o procurador geral do município, Marcos Cavalcante.

O desembargador Ari Moutinho acatou o pedido das empresas do transporte coletivo de Manaus. O magistrado afirma que “a necessidade de reajuste tarifário é evidente, não apenas em decorrência da elevada inflação, mas pelos custos crescentes enfrentados pelas empresas de ônibus”.

Escribir AM Mensaje


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


contacto Condiciones de uso wp: (92) 99344-0505