• CRM-AM pretende acompanhar processo contra médico suspeito de comandar desvio de verbas da saúde

    A preocupação do CRM-AM é verificar se neste processo houve algum ato médico que tenha prejudicado um paciente.
    21/09/2016 15h04 - Actualizado 21/09/2016 18h34

    Foto: reproducción


    O Conselho Regional de Medicina do Estado do Amazonas (CRM-AM) declarou que vai acompanhar o processo contra o médico, Mouhamad Mustafa, acusado de comandar um esquema que desviou pelo menos R$ 110 milhões dos recursos da Saúde no Amazonas.

    A preocupação do CRM-AM é verificar se neste processo houve algum ato médico que tenha prejudicado um paciente. Caso isso tenha acontecido, será aberta uma sindicância segundo o presidente do órgão, José Bernardes Sobrinho.

    O clínico geral, Mouhamad Mustafa, foi preso ontem (20) pela Polícia Federal como alvo da operaçãoMaus Caminhose é apontado como chefe do esquema.


    *** Si estás a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitando frecuentemente el AM POST.


    Facebook

    economía

    Contacto Terminos de uso