Professora de Manacapuru receberá medalha por ajudar o Amazonas no Ideb

A educadora contribuiu para que o Estado fosse destaque no Ideb de 2015, ocupando a 5ª posição em âmbito nacional.
13/12/2016 14h09 - Actualizado 13/12/2016 14h09

Foto: divulgação


A professora Marilene dos Santos Freire, 44, receberá a Comenda “Ordem do Mérito Legislativo”, de la Asamblea Legislativa de Amazonas (peligro), na próxima quinta-feira (15), por indicação do deputado estadual Adjuto Afonso (PDT). A educadora contribuiu para que o Amazonas fosse destaque no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), no ano de 2015, ocupando a 5ª posição em âmbito nacional e o 1º lugar em âmbito estadual, o resultado foi divulgado em setembro deste ano.

A metodologia aplicada na Escola Estadual Professor Gilberto Mestrinho, localizada no município de Beruri (una 173 km da capital), que foi destaque com média 8.2 em nível nacional, envolveu o comprometimento da equipe, assim como o envolvimento dos pais dos alunos, conforme explica Marilene Freire.

“Nós chamamos os pais e colocamos a responsabilidade, falamos sobre as avaliações externas. Os pais concordaram de levar as crianças para a escola, ajudar nas tarefas de casa e nos apoiar. Conseguimos trazer os pais para dentro da escola, fizemos parceria. Os pais nos ajudaram, traziam os trabalhos para os professores revisarem, qualquer professor podia revisar o trabalho de qualquer aluno. Os professores e os pais queriam isso: família e escola juntos”, ressalta a professora.

Natural de Manacapuru (una 84 km), Marilene Freire aceitou o desafio de assumir a direção da Escola Gilberto Mestrinho, em Beruri, onde foi diretora ate o início do ano de 2016. Ela confessa que foi um trabalho árduo e difícil, sin embargo, gratificante. “Eu entrei em 2007 e a escola já tinha fama de ser a melhor escola de Beruri. Mediante a essa responsabilidade cabia a mim dar continuidade ao trabalho da ex-gestora. Me esforcei para que isso acontecesse. Ela deixou uma equipe comprometida e essa equipe foi fundamental. Juntos fizemos o trabalho. Eu entrei com outras atividades, metodologia, inovação, itens que precisavam para aquele momento. Tive o reconhecimento da comunidade”, disse Marilene.

En 2005, a escola registrou a média 2.8 no Ideb; final de 2007, saltou para 5.7; mi, en 2015, 8.2, se destacando das demais escolas dos municípios amazonenses e de outros estados brasileiros.

Quando foi informada da indicação pelo deputado Adjuto Afonso, a professora ficou emocionada e agradeceu o reconhecimento da Casa Legislativa. “Eu só agradeço de coração o reconhecimento, eu já conheço o deputado de algumas vezes em que ele esteve em Beruri. Isso pra mim foi gratificante, eu me sinto honrada”.

Marilene dos Santos Freire é graduada pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA) com licenciatura no Curso Normal Superior Proformar; Pós-Graduada em Docência do Ensino Superior pela Universidade Cândido Mendes (Ucam); Pós-Graduada em Gestão Escolar pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam); mi, Pós-Graduada em Metodologia de Ensino de Ciências Biológicas pelo Centro Universidade Leonardo da Vinci (Uniasselvi). Atua na Rede Estadual de Ensino desde o ano de 1994, quando ingressou através de concurso público.


*** Si estás a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitando frecuentemente el AM POST.


Facebook

economía

Contacto Terminos de uso