PM sostiene delincuentes después de robar el conductor del taxi en el conjunto de Santos Dumont

Los hombres robaron el conductor del coche y se mantienen en la cárcel por el delito privada.
17/02/2017 11h32 - Actualizado 17/02/2017 11h34
foto: Nota de prensa / PM

Policiais Militares da 17ª Companhia Interativa Comunitária (IDPF), durante patrulhamento na madrugada desta sexta-feira (17) pela Operação Águia no Conjunto Santos Dumont, bairro Paz, en la zona central y occidental de la capital, detiveram uma dupla por roubo do carro de um taxista e que o mantiveram em cárcere privado durante o crime.

De acordo com a equipe da viatura 6243, composta pelos Cabos PM Getúlio Corrêa e Rodrigo Lima, por volta de 00h40, quando realizavam patrulhamento da Operação Águia no Conjunto Santos Dumont, foram abordados por um homem identificado por Emerson Oliveira, o qual relatou ter tido o táxi roubado, placas OAK 2334, junto com seus documentos pessoais, celular e uma quantia em dinheiro. Ele informou que quando teve o carro tomado pelos assaltantes foi colocado por um certo período no porta-malas, mas conseguiu fugir em um momento de distração dos criminosos, quando acionou a polícia.

inmediatamente, a equipe efetuou diligências e deparou-se com os infratores, ordenando que parassem, mas os infratores empreenderam fuga e deu-se início ao acompanhamento do veículo, que ao chegar na Rua Nathanael Albuquerque, dentro do conjunto residencial, o veículo colidiu contra um muro. No instante em que saíam do carro, após a ordem de parada, os indivíduos que estavam no banco do motorista e carona efetuaram disparos contra a viatura e fugiram.

sin embargo, a equipe obteve êxito na detenção de Elias Emanoel Castro Lopes, 22, e na apreensão de um adolescente identificado como D.C.S, 16, que estavam no banco de trás. Os dois ainda foram agredidos por populares e taxistas de um ponto próximo onde foram detidos. Com um deles foi encontrado um simulacro de arma de fogo e após isso foram apresentados ao 12º Distrito Integrado de Polícia (INMERSIÓN) a los procedimientos legales de la policía judicial.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


contacto Condiciones de uso