Chozas se toman de área de preservación permanente en Colonia de Terranova

Os barracos estavam sendo destinados à venda de peixe e a ocupação foi denunciada pelos próprios moradores.
09/03/2017 16h05 - Actualizado 10/03/2017 11h33

foto: revelación


La Prefectura Manaus hizo la eliminación de dos chozas de madera construido en las orillas de un afluente del arroyo de Bolivia, en un lugar llamado Asignación de Canaan Recreación, Terranova Colonia II, Zona Norte.

A retirada aconteceu na última quarta-feira, 8, após a realização da caracterização da área. Os barracos estavam sendo destinados à venda de peixe e a ocupação foi denunciada pelos próprios moradores.

A operação foi realizada pelas secretarias municipais de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), infraestructura (Seminf) y Medioambiental Batallón de la Policía Militar, com apoio do Grupo Integrado de Prevenção às Invasões em Áreas Públicas (Gipiap).

De acuerdo con el Director de Supervisión de Semmas, Eneas Victor, a ação teve caráter preventivo e foi realizada ainda no começo da ocupação, já que os barracos estavam em construção e futuramente acarretariam o comprometimento do igarapé gerando transtornos e alagações com o acúmulo de lixo.

“Logo que recebemos a denúncia buscamos apurar a situação. Não foi possível fazer notificações porque ninguém se apresentou como proprietário das referidas construções e tivemos que tomar a iniciativa de demolição para evitar que o problema se alastrasse”, explicou Enéas.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


Facebook

economía

contacto Condiciones de uso