José Melo firma acuerdo de cooperación para impulsar el cultivo de guaraná y acai en Maués

La ciudad de Maués produce anualmente 200 toneladas de guaraná.
26/03/2017 13h05 - Actualizado 27/03/2017 12H26

foto: Bruno Zanardo / Secom


A cidade de Maués (un 317 kilómetros de Manaus) entra em um novo ritmo de crescimento econômico. La ciudad, que produz anualmente 200 toneladas de guaraná, mostra-se bastante promissora para o desenvolvimento do açaí e cacau. Com vista nisso, el gobernador de Amazonas, profesor José Melo, firmado, sábado, 24 de marzo, um acordo de Cooperação Técnica com a Prefeitura do município para fortalecer os trabalhos de cultivo e produção dessas culturas agrícolas. Na “terra do guaraná”, o governador também acompanhou o andamento das obras do Programa de Saneamento Integrado de Maués (ProsaiMaués) e anunciou para junho a implantação de um pacote de obras para a área de educação, saúde e infraestrutura.

Acompanhado do vice-governador Henrique Oliveira, de representantes do Poder Legislativo e de secretários estaduais, José Melo assinou o termo com o prefeito do município, La leche junior, para fortalecer o setor primário da região junto à Nova Matriz Econômica. O termo viabiliza a atuação da estrutura da Secretaria Estadual de Produção Rural (Sepror) do município junto ao Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Amazonas (Idam) para fortalecer a produção do guaraná e do açaí. O acordo também vai auxiliar na reintrodução do cultivo do cacau no Estado, a partir de Maués.

O guaraná tem uma grande aceitação nacional; em segundo, vem o açaí, que entre as frutas do Amazonas é a mais requerida no mundo. Vamos ainda inserir novamente a produção do cacau, que praticamente acabou, mas o mercado internacional está solicitando a sua produção porque aumentaram os produtos derivados do cacau e não tem oferta internacional. Para tanto, vamos começar por Maués. Dentro da Matriz, vamos incentivar o plantio do Pau Rosa para que as futuras gerações possam ter essa atividade econômica”, dijo el gobernador.

Conforme o Idam do município, o Governo Estadual contemplou a cidade, através do plano de mecanização, con 1.050 mil hectares de terra para o trabalho das fruticulturas. De este total, 280 hectares já estão mecanizados com a produção de cultivo alimentares de ciclo curto, como milho, feijão e farinha de mandioca.

UrbanizaçãoO governador José Melo também visitou o canteiro de obras do ProsaiMaués. O programa, que estava há seis anos paralisado, consiste na recuperação das lagoas do Donga Michilles, Prata e Maresia, com projetos de requalificação urbanística, sistema de abastecimento de água, esgotamento sanitário e urbanização, cuadrados, estrutura para feiras, exposições e construção de ciclovias.

las obras, realizada por el Gobierno del Estado, a través de la Secretaría de Estado de Desarrollo Metropolitano Manaus (SRMM), preveem a requalificação urbana das lagoas, solucionando problemas de saneamento básico, urbanísticos e socioambientais que afetam a qualidade de vida da população e a sustentabilidade socioeconômica do município de Maués. Iniciada no mês março, a obra está prevista para ser concluída em outubro de 2018.

O Prosaimaués é uma obra que vai transformar a cidade e vai trazer emprego, porque são quase R$ 100 milhões envolvidos. E quero destacar ainda que vamos dar continuidade a um projeto que está inserido no Prosaimaués para levar água para 13 comunidades. Vamos cavar o poço, captar e distribuir água para as pessoas. E creio que vai melhorar a qualidade de vida dos cidadãos de Maués”, enfatizou José Melo.

Financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (OFERTA), o programa conta com recursos de US$ 35 millón, y $ EE.UU. 10,5 milhões de contrapartida do Governo do Amazonas. Actualmente, as obras do programa estão na fase inicial com a Estação de Tratamento de Efluentes (VERANO) construída e 30 operários trabalhando.

obras de paquetes – En junio, mês de aniversário de Maués, o governador José Melo vai retornar ao município com a primeira-dama e Presidente de Honra do Fundo de Promoção Social (FPS), Fabiana Gomes de Oliveira, para lançar um pacote de obras essenciais para a vida da população da localidade.

Entre essas obras, está o investimento de R$ 30 milhões para a reforma e ampliação de cinco escolas estaduais, sendo que uma será transformada em escola de tempo integral. Outros benefícios serão direcionados para o setor de infraestrutura, com a melhoria da malha viária da região, e para a área da saúde, com obras voltadas para as principais necessidades da rede hospitalar da cidade.

Seguridad PúblicaCom base em um levantamento realizado pelo Governo do Estado junto à população de Maués, constatou-se que a violência é um dos principais dramas vividos pelos moradores. Por ese motivo, o governador José Melo intensificou a atuação da segurança pública no local para combater o tráfico de drogas e criminalidade.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


Facebook

economía

contacto Condiciones de uso