Policía SSP-AM mantiene fuera de la ley Compaj acusado de robo y el tráfico

Durante la detención, el sospechoso fue identificado con el nombre del hermano fallecido.
31/03/2017 10h57 - Actualizado 31/03/2017 10h57

foto: Nota de prensa / PM


Los agentes de policía del Departamento de Seguridad Pública de Amazon (SSP-AM) detenido, el jueves por la mañana (30), Bruno Célio Pinheiro Macedo, 35, foragido do regime semiaberto do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj). Durante la detención, o suspeito se identificou com o nome do irmão já falecido aos policiais da Secretaria Executiva Adjunta de Operações Integradas (Seaop).

A prisão foi efetuada na casa onde Bruno morava, na Avenida Preciosa, Monte de los Olivos barrio, zona Norte. Os policiais chegaram até ele após ligações anônimas feitas ao Disque-Denúncia da SSP-AM, 181.

A las 9 am:30 de mañana, os policiais fizeram o cerco na casa do suspeito, onde estava Bruno e o irmão dele. Segundo a equipe de policiais, ele não ofereceu resistência à prisão. Durante a revista nada foi encontrado.

El Secretario Ejecutivo Adjunto de Operaciones Integradas, Orlando Amaral, contou que, en el momento de la detención, o suspeito ainda tentou enganar os policiais informando outro nome. “Consultamos o sistema e confirmamos que se tratava de Bruno Célio e que ele usava o nome do irmão para se livrar dos crimes”, dicho.

Bruno estava foragido desde janeiro de 2016 e responde pelos crimes de receptação e roubo de carro e motocicleta, porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas.

Siguiendo los procedimientos, ele será encaminho de volta ao Complexo Penitenciário para cumprimento de pena.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


Facebook

economía

contacto Condiciones de uso