Nueva entrega del 13º estado inyectará otros US $ 90 millones de dólares en la economía y ayuda a calentar el mercado

Para el gobernador David Almeida, la anticipación de 60% el sueldo 13 demuestra el equilibrio fiscal, presupuesto y gasto público.
12/09/2017 16H51 - Actualizado 13/09/2017 11h18
FOTOS: VALDO LEÃO

A economia do Amazonas terá um novo fator de aquecimento com a injeção da segunda parcela do 13º salário a 100 mil servidores ativos e inativos do Estado no mês de setembro. O governador David Almeida confirmou para os dias 14 mi 15 próximos o pagamento de mais 30%, cerca de R$ 90 millón, que, somados aos outros 30% pagos no final de junho, chegam ao total de R$ 180 milhões em dois meses e meio.

Aquecimento da economia, abertura de novas contas poupanças, redução de dividas e aumento na confiança do setor empresarial e financeiro são alguns dos frutos a serem colhidos pela entrada desses recursos no mercado.

“Essa injeção vai fazer girar a roda da economia de forma direta e indireta atingindo desde o consumo doméstico ao sistema financeiro e iniciativa privada que ganham maior disposição e confiabilidade no mercado”, defende o governador David Almeida.

De acordo com a Secretaria da Fazenda do Estado do Amazonas (Se hace), o pagamento será feito em dois dias, con los grupos I y II recibo días 14 e o Grupo III, día 15. El Departamento de Administración y Gestión del Estado (sead) fez esforço conjunto com a Empresa de Processamento de Dados Amazonas S.A (vender) para fechar a folha de pagamento no prazo.

“Por conta dos feriados dos dias 5 mi 7 e pontos facultativos, tivemos de antecipar o trabalho de fechamento da folha de pagamento. pero, mesmo com o cronograma apertado por conta dos feriados da Semana da Pátria, técnicos da Sead e Prodam fizeram um esforço extra para que o pagamento saia nas datas estabelecidas pelo chefe do executivo”, afirma o secretário da Sead, Sílvio Romano.

O economista Rodolpho Bentes, da Secretaria da Fazenda do Estado do Amazonas (Se hace), acredita que os recursos vão fomentar a economia e influenciar no aquecimento do mercado local. “Essa injeção de fundos na economia vai ajudar a fomentar diretamente o consumo das famílias, a formação de poupanças e a redução de dívidas”, proporciona.

Para el gobernador David Almeida, la anticipación de 60% el sueldo 13 demuestra el equilibrio fiscal, presupuesto y gasto público. "El gobierno es el mayor empleador del Estado. Para realizar el pago anticipado, cumprimos o dever e agimos também como agentes indutores da economia ajudando a devolver a confiança no mercado após dois anos de crise”, analisa David Almeida.

O economista Rodolpho Bentes explica que de forma indireta a disposição de milhões referentes a antecipação do 13° salário pode estimular empreendedores a elevar ofertas de postos de trabalho fixo ou temporários e dar suporte para que o sistema financeiro aumente o valor do crédito com juros mais baixos.


*** Si usted está a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitar a menudo el AM Mensaje.


contacto Condiciones de uso