Deputado denuncia falta de professores em escola da Polícia Militar em Manaus

Platiny Soares destacou que o governo é o real culpado pela situação que prejudica alunos de cinco turmas do turno matutino.
22/02/2018 12h23 - Atualizado em 23/02/2018 16h45
Foto: divulgação

A dispensa de alunos do 3º Colégio da Polícia Militar do Amazonas, Waldock Fricke de Lira, localizada no bairro Parque São Pedro, Zona Norte de Manaus, foi duramente criticada pelo deputado Platiny Soares (DEM), em discurso nessa quarta-feira (21).

Platiny Soares destaca que o governo é o real culpado pela situação que prejudica alunos de cinco turmas do turno matutino.

“Sem educação não há progresso, o desgoverno que chegou com a promessa de arrumar a casa, está desarrumando e começou pelas escolas. Não podemos aceitar que um colégio que possui um grande nível de qualidade, tenha o esforço do comandante/gestor da escola jogado no lixo, pelo governador”, criticou Platiny Soares.

O parlamentar enfatizou ainda, a necessidade de apurar as denúncias sobre a qualidade da merenda escolar servidas nas escolas do interior.

“Fomos pegos com a notícia de que em escolas do interior, estão servindo suco de folha de jambo. Não quero acreditar que isso é real, sabemos que muitas crianças ainda vão para a escola, em busca de alimentos. Isso é desumano, temos que tomar uma atitude incisiva!”, declarou Platiny Soares.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso