• Estudante de Direito é preso por furtar alunos em um Centro Universitário, no bairro Flores

    Ele tentou fugir do local pulando do segundo andar da unidade, sin embargo, acabou fraturando os dois tornozelos.
    11/11/2019 18h00 - Actualizado 12/11/2019 13h03

    Foto: divulgar


    Sala de prensa AM POST *

    A equipe de investigação do 23º Distrito Integrado de Polícia (INMERSIÓN), sob comando do delegado Henrique Brasil, titular de la unidad de policía, prendeu, en el acto, na manhã desta segunda-feira (11/11), às 10h30, o estudante universitário do curso de Direito, Rafael Gomes da Silva, 25. Ele é acusado de furtar dois notebooks e documentos pessoais de alunos de um Centro Universitário, situado no bairro Flores, zona centro-sur de la capital. O crime ocorreu nesta manhã, por volta das 7h20, em uma das salas de aula da unidade educacional.

    Según el delegado, a equipe policial foi acionada pela direção do Centro Universitário, após Rafael furtar os objetos de dois acadêmicos de Direito do turno matutino. En esta ocasion, as vítimas, un hombre de 43 anos e outro de 47 años, deixaram os computadores portáteis dentro das mochilas deles, na sala de aula, enquanto iam para a cantina do lugar.

    “Como Rafael já estudava no Centro Universitário no turno da noite, ele tinha livre acesso ao lugar. En el momento del crimen, ele estava pela manhã observando as vítimas com os respectivos aparelhos eletrônicos e, ao ver que os homens iriam sair da sala, Rafael entrou e furtou os notebooks. Sin embargo,, uma das vítimas percebeu o comportamento estranho do infrator e viu que ele estava com um volume na camisa, imediatamente a vítima falou para um segurança do local, momento em que o individuo foi para o banheiro e escondeu os objetos furtados”, explicou o titular do 23º DIP.

    Ainda segundo Henrique Brasil, os policias civis identificaram os furtos por meio do sistema de segurança do lugar. De acuerdo con la autoridad policial, uma mulher que trabalha como serviços gerais do Centro Universitário, localizou os objetos furtados dentro de um cesto de lixo.

    “Rafael tentou fugir do local pulando do segundo andar, sin embargo, acabou fraturando os dois tornozelos, foi quando conseguimos prendê-lo. Ele foi levado a uma unidade hospitalar para os atendimentos médicos,” relatou Brasil.

    Flagrante
    O homem foi autuado em flagrante por furto. Na unidade policial foi arbitrada uma fiança no valor de R$ 2 mil. Conforme o delegado, caso a fiança não seja paga pelo estudante, ele será encaminhado à audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, Barrio de San Francisco, sur de Manaus.


    *** Si estás a favor de una prensa totalmente libre e imparcial, colaborar disfrutando de nuestra página en Facebook y visitando frecuentemente el AM POST.


    Facebook

    economía

    Contacto Terminos de uso