Concurso Miss Melhor Idade acontece nesta sexta em Parintins

Para a realização do concurso foram selecionadas nove candidatas que serão avaliadas por um júri composto por 10 jurados.

O Governo do Estado do Amazonas / Secretaria de Estado de Cultura do Amazonas realiza nesta sexta-feira (9), às 19h, pela primeira vez, a escolha da Miss Melhor Idade do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro – Unidade Parintins, do Curso de Dança da Melhor Idade, que atende a 78 alunos com idade a partir de 50 anos, distribuídas em quatro turmas.

Para a realização do concurso foram selecionadas nove candidatas que serão avaliadas por um júri composto por 10 jurados, que incluem professores universitários, autoridades locais e formadores de opinião, os itens a serem avaliados serão simpatia, desfile e desenvoltura.

Esta ação tem como objetivo resgatar a autoestima, valorizar aquelas que transmitem sabedoria e experiência para a juventude, atribuir novos olhares ao conceito de beleza e proporcionar momentos de descontração às participantes, além de proporcionar a alguns alunos da Unidade Parintins, as doações de alimentos, por meio de cestas básicas.

Para o instrutor de dança Evandro Oliveira, o concurso é importante para valorizar o charme a beleza e elegâncias das candidatas, e, além disso, trabalhar a disciplina, a autoestima das participantes e promover, através do concurso, a transformação na postura, comportamento, maneira de andar e falar.

“Para mim está sendo uma experiência maravilhosa ter que acompanhá-las nesse processo. Eu, como professor de dança me sinto muito orgulhoso por minhas alunas e se eu fosse jurado escolheria todas para serem a Miss Melhor Idade”, enfatizou o instrutor de dança Evandro Oliveira.

Para a aluna do curso de dança Maria da Conceição, está sendo um momento muito importante de sua vida e se sente muito feliz por participar do concurso “Miss Melhor Idade”. “Me sinto renovada. Agradeço imensamente à Secretaria de Estado de Cultura por abrir as portas para as mulheres a partir dos 50 anos”.

“Eu Tenho 50 anos, mas me sinto com 15 anos novamente. Me sinto como uma princesa, com toda essa preparação que o Liceu nos dispõe como o ensaio fotográfico, a atenção dos instrutores e a felicidade que o curso me trouxe. E sobre o concurso, estou muito ansiosa e não vejo a hora de poder colocar a coroa em minha cabeça, só tenho a agradecer por fazer parte dessa família que é o Liceu e desejar boa sorte às minhas amigas que irão competir”, enfatizou a aluna do curso de dança da Melhor idade, Maria da Conceição.