Seleções realizam reconhecimento da Arena da Amazônia e confraternização entre as equipes marca atividade

Brasil, Costa Rica, Rússia e Itália ficaram cerca de meia hora no gramado da Arena da Amazônia, com direito a fotos e muita alegria por parte das russas.
05/12/2016 17h53 - Atualizado em 5/12/2016 18h01

Foto: divulgação


As seleções que vão disputar a Copa Caixa Internacional de Seleções de Futebol Feminino tiveram o primeiro contato com o grande palco da competição, na manhã desta segunda-feira, dia 5. Brasil, Costa Rica, Rússia e Itália ficaram cerca de meia hora no gramado da Arena da Amazônia, com direito a fotos e muita alegria por parte das russas. A competição recebe apoio do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel).

Prestes a estrear no comando da Seleção Brasileira, a treinadora Emily Lira não esconde a ansiedade de ficar pela primeira vez a beira do campo. Para atuar pela camisa verde e amarelo, a técnica trouxe para Manaus 13 jogadoras que disputaram os Jogos Olímpicos do Rio 2016. Além de Thaisa e Camila, outras três campeãs da Copa do Brasil, pelo Corinthians, também participam da competição, a goleira Letícia e as atacantes Nenê e Chu. Millene, centroavante do Rio Preto e maior goleadora do Campeonato Brasileiro feminino deste ano, com 10 gols, também está na terrinha baré.

“Esse clima de estreia chega a dar palpitação. Acho que trabalhamos para chegar ao ápice da carreira. Estive aqui esse ano com o São José, mas a gente fala de Seleção Brasileira. Nós estamos representando o que há de melhor no país. É gratificante estar aqui, algumas meninas são novas na seleção e tudo é muito importante para nós. Espero que a torcida venha mesmo e veja um futebol vistoso”, declarou a treinadora.

O Brasil inicia o primeiro treino visando o jogo contra a Costa Rica, nesta tarde, dia 05, às 16h, no estádio Carlos Zamith.

‘Aquecimento’
A “casa do futebol feminino” recebeu nesta manhã as delegações simultaneamente para o reconhecimento do gramado. Num clima amistoso, jogadoras e treinadores já se empolgavam para as disputas.

“Estamos bem ansiosos para participar do campeonato, porque o nível é muito bom. Estamos na fase final da Eurocopa e esse torneio vai ser muito bom para nos prepararmos para a fase final da competição”, disse a jogadora da Rússia, Ekaterina.

Para a volante e capitã da Costa Rica, Katherine Alvarado, a competição é uma oportunidade de expandir o futebol feminino no país caribenho. “É um estádio muito bonito e jogar com o Brasil é uma oportunidade que nos faz crescer muito. Estamos esperando o momento do jogo”, declarou a jovem de 25 anos, que no currículo soma o Mundial U20 Feminino 2010 (CRC), a Copa do Mundo 2015 – Feminino (CRC), e os Jogos Pan-Americanos de Futebol Feminino 2015.

O comandante da esquadra Azzura, Antonio Cabrini, quer aproveitar a Copa para o time evoluir. Famoso no meio futebolístico, o técnico tem experiência de sobra quando o assunto é quatro linhas. Como zagueiro da Seleção Italiana, conquistou em 1982 o título da Copa do Mundo. Esta foi o segundo Mundial de Cabrini, que atuou também em 1978 e 1986, além da Eurocopa de 1980.

“Têm várias meninas novas que estão sendo preparadas para os torneios internacionais, e talvez o resultado aqui não seja o esperado, o que a gente queira. Estamos participando da competição para construir esse novo grupo”, declarou o treinador, que volta a campo nesta tarde, no estádio da Colina, às 16h30.

Horário dos treinos
Ainda nesta segunda, dia 05, pela tarde, todos os times vão realizar treinos. Confira a programação:

15h30 – Costa Rica, 3B (Aparecida)

16h- Seleção Brasileira, Carlos Zamith (Coroado)

16h30- Itália, Colina (São Raimundo)

17h- Rússia, 3B (Aparecida)

Os treinos para esta terça-feira, dia 6, e demais dias, serão definidos de acordo com a comissão técnica de cada equipe. A cada definição, as informações serão repassadas à imprensa.

Vendas
As vendas dos bilhetes para o jogo continuam durante todo o período de jogos e a população tem opções de pontos físicos para a compra, sendo: de segunda a sábado na Arena Amadeu Teixeira, das 9h às 18h. Nas óticas Diniz do Amazonas Shopping (Djalma Batista), Manauara Shopping (v. Mário Ypiranga) e Sumaúma Park Shopping (Cidade Nova), de acordo com os horários de cada centro de compras.

Os ingressos tem valor único de R$30, tanto para os beneficiários de meia-entrada (idosos, PCDs, estudantes), como para o público em geral que na hora da compra apresentar 1 kg de alimento não perecível. Aqueles que optarem por não levar o alimento, pagam valor inteiro de R$ 60.

A venda online acontece pelo site bilheteriadigital.com.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso