Jovem agredida pede em rede social que deputada roraimense seja banida nas próximas eleições

A estudante acredita que o soco e cotovelada que louvou na verdade eram para o seu namorado, que é irmão de uma pessoa que faz críticas ao prefeito, Arthur Neto.

Nas redes sociais estudante de publicidade de Manaus, Rayane Souza, 23, supostamente agredida pela deputada federal do estado de Roraima, Shéridan Oliveira (PSDB) em um restaurante nesta quarta-feira (28) expôs o caso em uma rede social e classificou o ato de covarde.

A estudante desabafou em sua página: “Como pode uma deputada federal, representante de um estado importante da nação, tomar uma atitude covarde dessa? Até agora estou sem entender porque tamanha covardia… Aproveito para chamar atenção das pessoas do bem de Roraima, para banir nas próximas eleições essa ‘dublê de deputada’ “.

A jovem acredita que o soco e cotovelada que louvou na verdade eram para o seu namorado, que é irmão de uma pessoa que faz críticas ao prefeito de Manaus, Arthur Neto, na rádio e na televisão. “Ele deu um passo para trás e os golpes pegaram em mim”, declarou Rayane.

bisneto-e-sheridan-800x445

Shéridan é noiva do deputado federal amazonense Artur Bisneto (PSDB), que segundo a estudante, também estava no local no momento da suposta agressão. A estudante afirma que não sabia da relação da deputada com o político.

content_whatsapp_image_2016-12-29_at_14-18-16

A deputada negou qualquer tipo de agressão sofrida pela jovem no restaurante e afirma ter recorrido à Polícia Federal.

Portal AM POST