‘Pílula do câncer’ será comercializada em Manaus a partir na região Norte

O pote de suplemento com 90 cápsulas deve custar em torno de US$ 150.

A partir de 16 de março a fosfoetanolamina sintética, conhecida como a “pílula do câncer”, será comercializada na forma de suplemento alimentar, em Manaus.

Segundo representantes da Quality Medical Line, distribuidora que viabiliza a fabricação da substância nos Estados Unidos (EUA), e do Instituto Pró Vida Amazônia, que pretende distribuí-la na região Norte, o pote de suplemento com 90 cápsulas deve custar em torno de US$ 150.

No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ainda não autorizou a importação do produto em escala, por isso as pessoas só terão acesso a ele via e-commerce, ou seja, comprando-o por meio do site http://www.qualitymedicalline.com/.