Carteiras de Trabalho abandonadas: Setrab tem dois mil documentos à espera dos proprietários

O acúmulo de Carteiras de Trabalhado (CTPSs) começou no ano 2000, quando a Setrab deixou de enviar ao Ministério do Trabalho os documentos que não eram retirados pelos proprietários.
18/12/2017 15h28 - Atualizado em 19/12/2017 16h06

Foto: Reprodução


Mais de duas mil carteiras de trabalho estão abandonas no arquivo da Secretaria Estadual do Trabalho (Setrab) à espera de seus donos. Os documentos foram emitidos pelo Ministério do Trabalho, em parceria com o Governo do Amazonas, e não podem se destruídos ou entregues a outras pessoas, a não ser os proprietários.

O acúmulo de Carteiras de Trabalhado (CTPSs) começou no ano 2000, quando a Setrab deixou de enviar ao Ministério do Trabalho os documentos que não eram retirados pelos proprietários. Nos últimos 17 anos, o acúmulo das CTPSs tem ocupado cada vez mais espaço, obrigando a secretaria do Trabalho a criar novos arquivos para armazenar os documentos.

Nesta terça-feira (19), a Setrab irá abrir os arquivos para a imprensa. O objetivo é divulgar para a sociedade que as CTPSs estão à espera de seus proprietários. Outra novidade é a divulgação do aplicativo da Carteira de Trabalho Digital, que em breve colocará fim à CTPS impressa em papel.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso