Fã de Wilson Lima quebra silêncio, diz que transou com ele e contesta versão do apresentador

Segundo a moça que era menor de idade quando afirma ter tido relacionamento íntimo com Wilson, ela sofreu ameaças e teve sua conta no Facebook apagada.
14/09/2018 23h18 - Atualizado em 17/09/2018 11h56

Foto: Reprodução


Redação AM POST

A jovem, Ana Sara Oliveira da Silva, 21 anos, envolvida em imbróglio com o jornalista e candidato a governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), quebrou o silêncio e decidiu contar sua versão sobre o que aconteceu para o suposto relacionamento dos dois ter virado registro na delegacia especializada em homicídios e sequestros no ano de 2014.

De acordo com Ana Sara, que deu entrevista exclusiva a um portal local, quando se envolveu com o apresentador ela tinha apenas 14 anos e que se conheceram através de um amigo dele. A jovem contesta a versão dita pelo apresentador de que houve um jantar para eles se conhecerem e afirma que após troca de mensagens e telefonemas os dois foram parar num motel na zona leste de Manaus. Após esse primeiro encontro a moça conta que passou o dia com Wilson em um condomínio fechado, onde ele morava.

Questionada sobre a foto que foi postada no Facebook dela com a legenda “eu e meu amor” que gerou ocorrência na delegacia, a jovem conta que foi tirada em um dos vários encontros que os dois tiveram dentro do carro dele e que Wilson se apresentou a ela como solteiro. Após a postagem Ana Sara relata que sofreu ameaças tanto do apresentador quando de um investigador da polícia identificado por ela apenas como Geraldo.

Segundo ela desde as ameaças ela teve que entregar dados de sua conta no Facebook e teve o perfil apagado de forma que não lhe restou nenhuma prova contra o jornalista.

Veja vídeo:

Entenda o caso
A história veio a tona quando a coluna radar da revista Veja, escrita pelo jornalista Maurício Lima, decidiu expor a situação e desde então o que se sabe é aversão de Wilson Lima que afirma que só registrou boletim de ocorrência (BO) contra a jovem porque após um único encontro, onde só houve um jantar ela passou a fazer postagens nas redes sociais, afirmando ser sua esposa.

Questionada sobre o fato da jovem ser menor de idade ou não, a assessoria de Wilson revelou com exclusividade ao AM POST que não entrou nessa questão na nota divulgada a imprensa por ele afirmar que ela se tratava de “uma moça feita” e não viu necessidade de pedir seu RG e CPF durante o encontro.

A assessoria do candidato também afirma que o indagou sobre o que de fato aconteceu naquela noite e ele teria declarado que não passou de um jantar e uma foto.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso