Homem é suspeito de matar filho de 1 mês de vida ao joga-lo contra a parede

Segundo a Polícia Civil, jovem de 27 anos estava bêbado, discutia com a mulher e, após ver a criança chorar, ficou irritado e cometeu o crime.
02/09/2018 12h58 - Atualizado em 2/09/2018 13h00

Foto: Reprodução


Um jovem 27 anos foi preso, no sábado, suspeito de matar o próprio filho, um bebê de 1 mês de vida, em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. De acordo com a Polícia Civil, o pai estava ingerindo bebida alcoólica, ficou irritado com o choro da criança e a jogou contra a parede, fazendo com que ela caísse no chão desacordada.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer o bebê. Ele foi levado para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Brasicon, na cidade, mas não resistiu aos ferimentos e a morte foi constatada na unidade de saúde.

O G1 não conseguiu localizar a defesa do jovem para comentar a prisão.

O caso ocorreu por volta das 22h de sábado, na casa em que a família mora, próximo ao Centro de Aparecida de Goiânia. Conforme a Polícia Civil, o pai estava bêbado quando começou a discutir com a mulher, mãe da criança. O bebê começou a chorar e ele, em um ataque de fúria, cometeu o crime.

O jovem foi preso em flagrante pela Guarda Civil Metropolitana de Aparecida de Goiânia, na UPA, e foi encaminhado ao 1º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia, onde foi autuado por homicídio qualificado por motivo fútil.

O corpo do bebê foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Aparecida de Goiânia e, às 7h30 deste domingo, já havia sido liberado à família.

Fonte: G1 Goiânia


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso