Ronaldo Tiradentes chama Eduardo Braga de ‘covarde’ e convoca para debate ao vivo

Durante o programa Ronaldo Tiradentes mostrou cadeira vazia em estúdio reservada ao senador e disse que se ele não quisesse comparecer poderia ligar para o estúdio.

Redação AM POST

O radialista Ronaldo Tiradentes abriu espaço no programa “Manhã de Notícias” nesta segunda-feira, 21, para que o senador Eduardo Braga (MDB), se defendesse das acusações que pesam contra ele na operação Lava-Jato mas não obteve resposta.

O senador e o jornalista figuram briga judicial por causa de matérias publicadas por Tiradentes em que Braga conseguiu direito de resposta no sábado (19) que deveria ser lido por Ronaldo e veiculado na Rede Tiradentes mas a decisão foi derrubada na noite de ontem (20).

Em suas redes sociais ontem Eduardo Braga enviou o seguinte recado para Tiradentes: “Tenho certeza que não serei o último a sofrer com a sua perseguição implacável, mas quero ser o primeiro a dizer-lhe, com todas as letras e com o aval da Justiça: CHEGA!”disse.

Na sequência foi respondido pelo jornalista também na rede social: “RECEBI ESTE RECADO de um político sério, responsável, trabalhador , honesto, que nunca foi acusado de receber propina pelas obras do PROSAMIM, da Ponte do Bilhão, da Arena da Amazônia, da JBS, da Hypermarcas, que se diz perseguido por um radialista sem credibilidade. Amanhã, às 7:30, ELE TERÁ A RESPOSTA, AGUARDE. CHEGA!”, retrucou.

Durante o programa Ronaldo Tiradentes mostrou cadeira vazia em estúdio reservada ao senador e disse que se ele não quisesse comparecer poderia ligar para o estúdio.

O jornalista afirmou que sua família está sendo vítima de ataques feitos por Braga e elencou ao vivo diversas acusações contra o senador entre elas agressão física a sua esposa Sandra Braga e disse que o espaço era para ele esclarecer os fatos.

Ronaldo também disse que acredita na prisão do senador e que faz questão de noticiar o fato.

Veja vídeo: