Parlamento Europeu reconhece Juan Guaidó como presidente da Venezuela

Deputados criticaram a tentativa de golpe de Estado de Maduro e seus aliados.
17/01/2020 08h58 - Atualizado em 17/01/2020 08h58

Foto: Reprodução


Agência EFE

O presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, recebeu apoio e reconhecimento por parte do Parlamento Europeu. Nesta quinta-feira (16), 471 deputados aprovaram uma resolução que apoia o líder político e que condena a tentativa de golpe sofrida no dia 5 de janeiro, quando Guaidó foi impedido de presidir uma sessão na Assembleia Nacional da Venezuela.

Através de um comunicado, o Parlamento condenou a tentativa de golpe de Estado de Nicolás Maduro e seus aliados e lamentou as violações com o processo eleitoral para definir o presidente da Assembleia Nacional. De acordo com os deputados, isso é “mais um passo na crise na Venezuela que continua a piorar”.

Em sua resolução, o Parlamento Europeu rejeitou “as violações do funcionamento democrático, constitucional e transparente da Assembleia Nacional”. Os membros da Eurocâmara também denunciaram os “atos contínuos de intimidação, suborno, extorsão, violência, tortura e desaparecimentos forçados”.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso