Suspeito de tentar estuprar criança na comunidade Bairro Novo morre no HPS João Lúcio

Ele estava internado na unidade hospitalar após ter sido linchado por populares e não resistiu aos ferimentos.
28/01/2020 19h43 - Atualizado em 28/01/2020 19h43

Foto: Reprodução


Redação AM POST*

A morte do jovem, Wilciley de Souza Pantoja, de 24 anos, foi confirmada pelo Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio na noite de segunda-feira (27). Ele foi espancado por populares após invadir uma casa e tentar estuprar uma criança na manhã de domingo (26), no Bairro Novo, na Zona Leste de Manaus e em seguida foi internado na unidade hospitalar.

A mãe da criança relatou aos policiais que estava dormindo no momento em que ele invadiu sua residência. Ao ir verificar como estava sua filha, ela viu o criminoso dentro do cômodo despindo a menor que estava dormindo. Na ação, a mulher gritou por socorro aos vizinhos e o suspeito fugiu pela janela mas foi alcançado por populares revoltados que o espancaram e o imobilizaram até a chegada da polícia. Durante as agressões, as roupas do indivíduo foram arrancadas.

Quando policiais militares chegaram ao local encontraram o homem inconsciente e o encaminharam para o HPS João Lúcio.

De acordo com laudo do Instituto Médico Legal (IML) Wilciley Pantoja morreu de edema cerebral, hemorragia craniana, traumatismo craniano, ação contundente e perfuro cortante.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso