UBS revitalizada que vai beneficiar quatro mil pessoas é entregue no Cidade de Deus

Prefeito Arthur Neto explicou que a unidade é uma das 60 UBSs com 132 metros quadrados que não recebem recursos dos SUS.
14/01/2020 15h12 - Atualizado em 14/01/2020 15h17

Foto: Divulgação


Redação AM POST*

Aproximadamente quatro mil pessoas da comunidade Braga Mendes, no bairro Cidade de Deus, zona Norte, passam a ter atendimento de qualidade com a inauguração da Unidade Básica de Saúde (UBS) N-05, situada na rua Paraibanos. “As unidades de saúde menores, como essa, funcionando plenamente ajudam e muito as unidades maiores”, disse o prefeito Arthur Virgílio Neto ao entregar o espaço revitalizado nesta segunda-feira, 13/1, ao lado da primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro.

O prefeito explicou, ainda, que N-05 é uma das 60 UBSs com 132 metros quadrados que não recebem recursos dos SUS. “Elas têm consultórios, médicos e a maioria estava precisando de reformas. Vamos lutar para fazer com que essas 60 sejam reformadas e entregues”, afirmou Arthur Neto, informando que irá pedir ao ministro da saúde que olhe também para essas unidades menores.

Além da revitalização e reestruturação da Rede de Atenção Básica de Manaus, com foto na ampliação da cobertura e do acesso da população aos serviços de Atenção Primária, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) trabalha na capacitação de profissionais especializados.

“Foi de Palmas, capital de Tocantins, que descobrimos a ideia da Escola de Saúde Pública, que nos ajuda a aumentar a cobertura da saúde básica do município. É como se fosse uma residência médica, mas que já nos dá resultados na prática. Com isso, queremos nos aproximar ao máximo de 100% de cobertura, somados os 25% da iniciativa privada, ou seja, das pessoas que possuem planos de saúde”, declarou o prefeito.

Para o médico da UBS N-05, Luiz Fernando Júnior, que faz parte da Escola de Saúde Pública (Esap), essa oportunidade, além de melhorar a vida da população, é uma iniciativa muito grande para a carreira de quem está começando. “A Esap trouxe novos ares para a saúde municipal. É um impacto grandioso para a população”, destacou.

O prefeito de Manaus também aproveitou para falar do sucesso de campanhas de vacinação, com metas sempre alcançadas e superadas, e de ações que intensificam o combate a doenças graves, como é o caso do mês “Janeiro Roxo”, que trata da prevenção e tratamento à hanseníase. “Não queremos mais essa doença, que não é deste século. Ela não cabe mais no momento em que Manaus está se desenvolvendo”, afirmou Arthur.

Vale destacar que, entre o final de janeiro e início de fevereiro, a prefeitura colocará em funcionamento quatro Unidades Básicas de Saúde (UBSs) Móveis para atender as necessidades e prioridades em saúde dos cidadãos que residem em áreas de expansão da cidade e/ou de vulnerabilidade social.

Atendimento e serviços
O bairro Cidade de Deus possui 83.510 habitantes (dados de 2018) e uma cobertura de atenção básica realizada por nove unidades da Semsa. “Essa UBS vai atender mais de quatro mil usuários por mês, com diversos serviços fundamentais, nesse bairro grande e que já tinha oito unidades de saúde e, agora, conta com mais uma estrutura adequada para fazer atendimento de qualidade”, disse o secretário municipal de saúde, Marcelo Magaldi.

Na UBS N-05 está alocada uma equipe da Estratégia Saúde da Família, composta por médico, enfermeiro, cirurgião-dentista, técnicos de enfermagem, auxiliar de saúde bucal e Agentes Comunitários de Saúde (ACS), para realizar atendimento básico a adolescentes, adultos e idosos, além de atividades de promoção da saúde.

A carteira de serviços da unidade possui atendimentos como consulta médica e de enfermagem, assistência farmacêutica, vacinação, atendimento domiciliar de médico, enfermeiro e cirurgião dentista, visita domiciliar pelo agente comunitário de saúde, ações de promoção, proteção e vigilância à saúde, acompanhamento de programas sociais (Bolsa Família/Leite do Meu Filho), identificação e acompanhamento clínico de usuários com tuberculose, hanseníase e leshmaniose, dengue, zika, chikungunya e malária.

Também serão oferecidos procedimentos em saúde bucal como assistência odontológica, escovação dental supervisionada, aplicação tópica de flúor e rastreamento de câncer bucal. Na atenção à saúde materno-infantil, será oferecida assistência ao pré-natal e puerpério, assistência ao recém-nascido e triagem neonatal, acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil e assistência às doenças comuns na infância.

*Com informações da Assessoria de Imprensa


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso